Caixa anuncia nova linha de crédito especial para empreendedores; saiba mais

Os empreendedores terão à disposição mais uma linha de crédito especial. A oferta da vez faz parte de uma iniciativa da Caixa Econômica Federal (CEF), divulgada durante um evento virtual na última segunda-feira, 28, denominada de Caixa Tem SIM Digital. 

publicidade
Caixa anuncia nova linha de crédito especial para empreendedores; saiba mais
Caixa anuncia nova linha de crédito especial para empreendedores; saiba mais. (Imagem: Montagem/FDR)

Conforme anunciado no evento, a nova linha de crédito especial se estende para todos os tipos de empreendedores, incluindo os Microempreendedores Individuais (MEI). Este grupo é responsável por dar oportunidades de serviço aos trabalhadores podendo contratar valores entre R$ 300 a R$ 1 mil. 

Independentemente do valor exato contratado, o juros incidente é de 1,95% ao ano, junto a um período de até dois anos para quitar o débito perante a Caixa. A particularidade da nova linha de crédito especial é que a solicitação deve ser feita diretamente pelo aplicativo Caixa Tem.

publicidade

A plataforma foi criada em 2020 com o propósito de simplificar e unificar os pagamentos da transferência de renda vigente na época, o auxílio emergencial. Porém, diante dos benefícios oferecidos no aplicativo sem nenhum custo ao cliente, bem como a inserção dos brasileiros desbancarizados neste cenário, o Governo Federal e a Caixa decidiram manter a plataforma ativa.

Desde então o Caixa Tem tem sido incrementado eventualmente com novas ferramentas e funcionalidades a fim de aprimorar a experiência dos usuários. No caso específico da solicitação da nova linha de crédito especial, basta selecionar a opção “Crédito Caixa Tem” após atualizar o aplicativo pela loja digital do sistema correspondente ao seu aparelho, seja Android ou iOS. 

Feito o pedido, a equipe da instituição financeira tem o prazo de 10 dias para analisar a solicitação. Para auxiliar neste processo, o requerente pode informar qual será a finalidade de uso da nova linha de crédito especial obtida pelo Caixa Tem.

Se desejar, ainda é possível simular quais seriam as condições do empréstimo para ter em mente o futuro valor a ser restituído em banco parceladamente. 

Caso a linha de crédito especial seja aprovada, o valor requisitado será automaticamente depositado na conta digital do Caixa Tem, embora todos os bancos estejam aptos a realizar este tipo de operação. 

É importante explicar que, no caso específico do crédito especial tomado pelo MEI, os valores solicitados se limitam entre R$ 1,5 mil a R$ 3 mil. Eles foram definidos com base no teto do faturamento anual do MEI, conforme regulamentação do governo, que é de R$ 81 mil. 

publicidade

Outra distinção quanto à concessão da linha de crédito especial para o MEI é que os juros a serem pagos por este grupo serão mensais e levemente mais ato do que para o restante dos empreendedores. A margem incidente será de 1,99% ao mês, embora o prazo de pagamento também seja de dois anos. Outro detalhe é que o MEI deve solicitar o empréstimo diretamente em uma agência da Caixa. 

No entanto, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães disse que ainda pode levar alguns meses para que a oferta desta nova linha de crédito especial esteja efetivamente disponível no aplicativo Caixa Tem para todos os usuários. Mas por hora, embora o modelo de empréstimo já esteja disponível, é preciso demonstrar o interesse pela contratação diretamente no banco. 

Destacando que tanto os empreendedores gerais quanto o MEI poderão ter acesso à linha de crédito especial mesmo que estejam inadimplentes. 

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.