Tabela do INSS 2021: Novas alíquotas e calendário de pagamento do INSS

publicidade

Aposentados, pensionistas e beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) terão reajuste de salário a partir de 2021. Uma vez ao ano, o Instituto libera a tabela de contribuição e a tabela de pagamento, seguindo o novo valor do salário mínimo. Confira a seguir a tabela do INSS 2021 e saiba quando você irá receber o seu benefício.

publicidade
Tabela do INSS 2021: Novas alíquotas e calendário de pagamento
Tabela do INSS 2021: Novas alíquotas e calendário de pagamento (Imagem: Montagem FDR)

Após o Governo Federal anunciar o valor do novo salário mínimo, não só os trabalhadores, como também os segurados do INSS têm seus pagamentos modificados.

publicidade

A tabela do INSS 2021 é dividida em duas. A primeira funciona como uma referência de pagamentos para os cidadãos que dependem dos benefícios. O famoso calendário de pagamentos do INSS.

Já a segunda tabela do INSS divulgada, é sobre as alíquotas de contribuição. Essa é específica para os trabalhadores, que atuam como contribuintes. Por meio da tabela de contribuição do INSS é possível saber qual o percentual mensal de recolhimento para o fundo previdenciário.

publicidade

Quais são os benefícios do INSS em 2021?

Além das aposentadorias, o INSS também é responsável por realizar os pagamentos dos seguintes benefícios:

Todo cidadão que desejar solicitar qualquer um dos benefícios, precisa acessar o Portal Meu INSS ou visitar uma agência física do INSS com os documentos pessoais após realizar o agendamento do seu atendimento.

publicidade

Valores dos benefícios INSS em 2021

No dia 30 de dezembro de 2020, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou o novo valor do salário mínimo de 2021. A partir do 1° dia de janeiro, o salário passou a ser de R$1.100,00.

Juntamente com o salário mínimo, todos os benefícios pagos pelo INSS também sofreram reajustes. Ou seja, a partir de janeiro, os aposentados e pensionistas vão receber R$1.100,00 como piso do INSS para 2021 (valor mínimo).

Já o teto do INSS para 2021 será estabelecido em R$ 6.351,20 (valor máximo).

publicidade

Tabela do INSS 2021 (calendário de pagamentos)

Acompanhe as datas em que o seu benefício INSS será disponibilizado em 2021:

Fonte: INSS

Tipos de contribuições do INSS 2021

Devido a mudanças nas regras de aposentadoria, também passaram a existir diferentes formas de como se pode contribuir de acordo com a tabela do INSS 2021.

publicidade

Empregado formal

A categoria engloba trabalhadores com carteira assinada (menos os domésticos), trabalhadores temporários, diretores-empregados, trabalhadores com mandato eletivo, trabalhadores que prestam serviço a órgãos públicos, como ministros e secretários e cargos em comissão em geral, trabalhadores de empresas nacionais instaladas no exterior, multinacionais que funcionam no Brasil, organismos internacionais e missões diplomáticas instaladas no país.

publicidade

Empregado doméstico

Trabalhador que presta serviço na casa de outra pessoa ou família, desde que essa atividade não tenha fins lucrativos para o empregador.

Trabalhador avulso

Trabalhador que presta serviço a várias empresas ao mesmo tempo, mas é contratado por sindicatos e órgãos gestores de mão-de-obra.

Contribuinte individual

publicidade

Nesta categoria estão as pessoas que trabalham por conta própria (autônomos) e os trabalhadores que prestam serviços de natureza eventual a empresas, sem vínculo empregatício. Por exemplo, o MEI (Micro Empreendedor Individual).

Segurado especial

publicidade

São os trabalhadores rurais que produzem em regime de economia familiar, sem utilização de mão-de-obra assalariada.

Segurado facultativo

Nesta categoria estão todas as pessoas com mais de 16 anos que não têm renda própria, mas decidem contribuir para a Previdência Social.

Tabela de contribuição do INSS em 2021

Após saber todas as formas de aposentadoria e contribuição, é preciso saber a serventia das alíquotas do INSS.

As mesmas funcionam como porcentagens que serão descontadas do salário de todo trabalhador.

Assim como descontos do IR ou até mesmo do vale-transporte ou vale-alimentação. Após subtrair todos os descontos, o trabalhador terá acesso somente ao salário líquido.

Confira a tabela de contribuição do INSS:

Tabela para Empregado, Empregado Doméstico e Trabalhador Avulso 
  • Até um salário mínimo: 7,5%;
  • Acima de um salário mínimo a R$ 2.089,60: 9%;
  • De R$ 2.089,61 a R$ 3.134,40: 12%;
  • De R$ 3.134,41 a R$ 6.101,06: 14%;
  • De R$ 6.101,07 a R$ 10.448,00: 14,5%;
  • De R$ 10.448,01 a R$ 20.896,00: 16,5%;
  • De R$ 20.896,01 a R$ 40.747,20: 19%;
  • Acima de R$ 40.747,20: 22%.
Tabela para Contribuinte Individual e Facultativo 
Salário de Contribuição (R$) Alíquota Valor
R$ 1.100,00 5% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)* R$ 55
R$ 1.100,00 11% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)** R$ 121
R$ 1.100,00 até R$ 6.351,20 20% Entre R$ 220,00 (salário mínimo) e R$ 1.270,24 (teto)

Como utilizar o portal Meu INSS para ter acesso aos serviços?

Meu INSS é um aplicativo disponibilizado pelo Governo Federal, para que pensionistas e aposentados acessem diversos serviços sem ter a necessidade de ir até um dos postos de atendimento do INSS.

O aplicativo está disponível para celulares com sistemas operacionais IOS ou Android. Acesse as lojas dos aplicativos e baixe o Meu INSS.

Para fazer o cadastro no aplicativo é necessário informar:

  • Número do CPF;
  • Nome Completo;
  • Data e local de nascimento;
  • E o nome da mãe.
Por meio do Meu INSS é possível realizar serviços como:
  • Atualizações de dados pessoais;
  • Consultar extratos e calendários de pagamentos;
  • Agendamento de serviços presenciais, como a perícia do INSS.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.8
Total de Votos: 49

Tabela do INSS 2021: Novas alíquotas e calendário de pagamento do INSS

Amanda CastroAmanda Castro
Amanda Castro é graduada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP). É responsável pela área de negócios, tráfego e otimização SEO do portal FDR. Além disso, é também redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular, finanças e programas sociais.