FIES Social: Confira todos os detalhes sobre o novo formato do fundo

Ministério da Educação deve lançar o FIES Social ainda nesse ano e beneficiar centenas de brasileiros. Programa vai ser uma espécie de atualização que, entre outras coisas, vai aumentar a porcentagem da mensalidade financiada.

FIES Social: Confira todos os detalhes sobre o novo formato do fundo
FIES Social: Confira todos os detalhes sobre o novo formato do fundo(Imagem: FDR)

O Fundo de Financiamento Estudantil é um dos programas do Ministério da Educação mais conhecidos, afinal, beneficia centenas de brasileiros. No entanto, o programa precisa de atualizações, o que deve ser feito com o lançamento do FIES Social.

De modo geral, com o FIES é possível conseguir o financiamento do curso de graduação em instituição particular; você estuda e só paga os valores das mensalidades após se formar.

Essa possibilidade de ‘retardar’ o pagamento do financiamento é um dos grandes problemas do programa, prova disso é alta inadimplência existente.

FIES Social

O Novo Fies foi confirmado recentemente pelo Ministro da Educação, Camilo Santana, durante entrevista. Segundo ele, o MEC tem trabalhado para a volta do papel social do programa, que se perdeu ao longo do tempo.

Uma das novidades que deve ser trazida com o FIES Social é o financiamento de 100% da mensalidade dos cursos.

Atualmente os estudantes conseguem no mínimo 50% de cobertura, mas, não há um limite bem definido.

O que muitos apontam é uma dificuldade em se conseguir financiar o valor integral das mensalidades.

Outra mudança proposta é a limitação do acesso às vagas apenas para quem fez o Exame Nacional do Ensino Médio. Alguns casos de estudantes que utilizam o programa sem a nota do ENEM já foram relatados: Justiça toma importante decisão envolvendo o FIES ou Estudante não matriculado e sem nota de corte pode entrar no FIES; são alguns exemplos.

Além disso tudo, o FIES Social vai possibilitar a renegociação de dívidas das pessoas que já utilizaram o programa.

Para o ministro, muitas pessoas não pagam o financiamento porque não têm condições.

Inclusive, o MEC já iniciou os trabalhos para a oferta da renegociação através do levantamento de dados solicitados ao INSS e à Receita Federal.

Ainda não se sabe quando o FIES Social será lançado, mas, há uma grande expectativa de que isso aconteça ainda nesse ano.

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.