ELEIÇÕES 2022: nova pesquisa aponta impopularidade de BOLSONARO; veja os números

A impopularidade de Bolsonaro para as eleições 2022 é intensa. Uma pesquisa realizada pela Xp/Ipespe, mostra a negatividade do governo atual entre os eleitores que o avaliam como “ruim” ou “péssima”

publicidade
ELEIÇÕES 2022: nova pesquisa reforça a impopularidade de BOLSONARO; veja os números
ELEIÇÕES 2022: nova pesquisa reforça a impopularidade de BOLSONARO; veja os números. (Imagem: FDR)

A avaliação negativa de Bolsonaro abrange 49% do eleitorado brasileiro, enquanto a análise positiva caracterizada com “ótimo” ou “bom” abrange somente 32% dos brasileiros aptos a votarem nas eleições 2022

A grande aposta do governo Bolsonaro para se manter no poder após as eleições 2022 está vinculada à Proposta de Emenda à Constituição – PEC dos Benefícios, promulgada pelo Congresso Nacional.

publicidade

A elaboração do texto foi motivada pela alta dos combustíveis, mas no decorrer dos trâmites passou a dar atenção para outras iniciativas. 

Assim, criou-se o Auxílio Caminhoneiro e o Auxílio Taxista, além de aumentar o preço do Auxílio Brasil e Vale Gás. As investidas se concentram em dois públicos-alvo, a população brasileira vulnerável e os caminhoneiros. 

A população em situação de vulnerabilidade sempre teve o apoio associado ao governo petista, razão pela qual Bolsonaro tem investido fortemente em políticas públicas sociais a este grupo.

Já os caminhoneiros, desde o início foram fiéis apoiadores do atual presidente, embora tenham começado a mudar de opinião no decorrer dos últimos meses.

Posição de Bolsonaro na corrida para as eleições 2022

A pesquisa divulgada pela Xp/Ipespe analisa o posicionamento de Bolsonaro entre os eleitores e quais as preferências para a corrida nas eleições 2022. A avaliação do atual presidente é a seguinte:

  • Ótimo ou bom – 32%;
  • Ruim ou péssimo – 49%;
  • Regular – 18%.
publicidade

A maioria, 59%, disse desaprovar o atual governo, enquanto somente 36% aprovam. Outros 5% dos eleitores não sabem opinar ou não quiseram responder. Neste sentido, a taxa de desaprovação ficou abaixo de 60%, patamar que não era atingido desde abril de 2021

Pelo levantamento do PoderData, o ex-presidente e pré-candidato, Luiz Inácio Lula da Silva, está seis pontos à frente de Bolsonaro. A pesquisa sobre as eleições 2022 foi realizada entre os dias 17 e 19 de julho

Neste período, as respostas apresentadas pelos três mil entrevistados colocaram o petista com 43% das intenções de voto, contra 37% para o atual presidente da República, Jair Bolsonaro. 

publicidade

O levantamento acerca dos prováveis resultados para as eleições 2022 apresentou as preferências para cada candidato entre os seguintes públicos:

Lula tem o melhor desempenho entre:

  • 46% das mulheres;
  • 52% dos jovens de 16 a 24 anos;
  • 50% das famílias que recebem até dois salários mínimos.
publicidade

Enquanto isso, o eleitorado de Bolsonaro se concentra entre:

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

  • 43% dos homens;
  • 43% dos eleitores entre 45 a 59 anos;
  • 48% das famílias com renda entre dois a cinco salários mínimos;
  • 47% das famílias com cinco salários mínimos ou mais. 

O cenário regional também tem seus desdobramentos quanto às eleições 2022. Veja:

publicidade
  • Sudeste – Lula e Bolsonaro têm o mesmo desempenho do que no eleitorado em geral: 43% a 37%; 
  • Sul – Bolsonaro supera Lula por larga margem: 48% a 28%; 
  • Centro-Oeste – os candidatos empatam tecnicamente, considerando-se a margem de erro regional de 6,9 p.p.: Lula 36% X 41% Bolsonaro; 
  • Norte – Bolsonaro tem 50%; Lula, 44%. A margem de erro regional é de 6,4 p.p.; 
  • Nordeste – Lula segue com grande vantagem, como registrado nas rodadas anteriores: 52%, contra 27% de Bolsonaro.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.