Redução do IPI: confira quais serão os novos preços dos carros mais vendidos do Brasil

Na última semana foi publicado um decreto que dispõe sobre a redução do Imposto para Produtos Industrializados (IPI). O imposto incide sobre uma variedade de produtos, tais como carros e itens denominados por “linha branca”, que é o caso de geladeiras, microondas e similares.

Através da redução do IPI será possível baratear esses produtos o que, por consequência, terá a capacidade de alavancar as vendas e fomentar a economia do país. Se tratando dos carros, a queda gira em torno de 18,5%, embora alíquotas distintas sejam aplicadas baseadas em categorias, capacidade cúbica do motor e cilindrada.

Enquanto isso, a redução do IPI para os demais produtos atingiu a margem de 25%. No entendimento do consultor Cassio Pagliarini, a expectativa de redução se tratando de preços poderá ser entre 1,7% e 1,8%. Caso estes percentuais realmente se consolidem, as vendas poderão ter um crescimento de 5%.

Conforme apurado, esta mudança seria capaz de promover um crescimento acumulado de 100 mil a 150 mil unidades emplacadas no ano. “Mesmo com uma redução significativa das alíquotas do IPI, a redução de preços será limitada devido à carga ainda pesada que outros impostos causam na ponta do varejo”, alegou Pagliarini.

É importante destacar que também haveria melhorias na logística, aquisição e fornecimento de insumos no decorrer de 2022, bem como os semicondutores. Além disso, poderia haver o equilíbrio e controle de preços no Brasil, o que seria extremamente bem-vindo após os aumentos constantes em meio à pandemia da Covid-19.

A Bright Consulting realizou um estudo que foi capaz de mostrar quais devem ser os impactos das novas alíquotas nos dez veículos mais vendidos do Brasil. Para realizar este levantamento foi preciso recorrer a dados de emplacamento referentes ao mês de janeiro, tendo em vista que as informações de fevereiro ainda não foram fechadas pela Fenabrave.

É importante destacar que o modelo de cálculo utilizado levou em consideração o repasse integral das montadoras ou importadoras quanto à redução do IPI para o consumidor final. Observe:

  • Fiat Strada: de R$ 94.074 para R$ 92.352;
  • Hyundai HB20: de R$ 74.590 para R$ 73.687;
  • Chevrolet Onix: de R$ 74.620 para R$ 73.717;
  • Jeep Renegade: de R$ 128.115 para R$ 125.770;
  • Jeep Compass: de R$ 164.280 para R$ 161.273;
  • Hyundai Creta: de R$ 121.690 para R$ 120.415;
  • VW T-Cross: de R$ 108.890 para R$ 107.572;
  • VW Gol: de R$ 69.790 para R$ 68.945;
  • Chevrolet Onix Plus: de R$ 84.430 para R$ 83.408;
  • Fiat Toro: de R$ 137.990 para R$ 135.464.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.