Sisu 2022: inscrições se encerram hoje; confira quando saem os resultados

Hoje, 18, é o último dia para os estudantes que participaram da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) se inscreverem no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) de 2022.  Até às 23h59 desta sexta-feira, os interessados em se graduarem no ensino superior podem se candidatar a uma vaga através da página oficial do programa.

Sisu 2022: inscrições se encerram hoje; confira quando saem os resultados
Sisu 2022: inscrições se encerram hoje; confira quando saem os resultados. (Imagem: FDR)

Feita a inscrição, o estudante deverá fazer um acompanhamento sobre sua posição na vaga para a qual se candidatou, tanto a primária quanto a secundária. Durante este período ele verá em tempo real as mudanças de posição no ranking de candidatos, bem como as atualizações referentes à nota de corte.

É importante explicar que a nota de corte é o resultado obtido por aquele candidato que teve o menor desempenho aprovado em cada curso.

A nota de corte é atualizada diariamente durante o período em que as inscrições no Sisu estiverem abertas, permitindo ao aluno acompanhar a possibilidade ou não de ser aprovado. Vale ressaltar que, no caso do candidato que obtiver uma pontuação inferior à nota de corte, ele fica autorizado a trocar de curso, se assim desejar ou arriscar uma vaga na lista de espera.

Entretanto, este processo foi modificado no último ano, sem que o MEC fizesse um anúncio prévio sobre a decisão. O fato é que o Ministério da Educação inviabilizou o uso da norte de corte para a seleção dos candidatos.

Isso porque, em anos anteriores, o sistema não considerava a segunda opção para a nota de corte, uma vez que estavam sendo avaliados para a primeira opção de curso. Porém, o modelo novo não segue a mesma regra.

A previsão é para que o resultado da chamada única seja divulgado no dia 22 de fevereiro, próxima terça-feira. Veja a seguir o cronograma do Sisu para 2022:

  • Inscrições: 15 a 18 de fevereiro;
  • Resultado da chamada única: 22 de fevereiro;
  • Matrícula ou registro acadêmico: 23 de fevereiro a 8 de março;
  • Manifestação de interesse em participar da lista de espera: 22 de fevereiro a 8 de março.

O candidato ao Sisu deve ficar preparado, pois se for selecionado terá apenas alguns dias para preparar e apresentar toda a documentação exigida pela universidade na qual deseja ingressar. Se os prazos não forem respeitados, o estudante perderá a vaga no sistema que será concedida à fila de espera.

A fila de espera contempla os estudantes que não foram aprovados na primeira nem na segunda opção de curso. Ressaltando que a lista de espera costuma ser publicada logo após a divulgação dos resultados oficiais referentes à primeira chamada.

Conforme mencionado, para participar do Sisu é essencial que o estudante tenha realizado o Enem 2021 e que não tenha zerado a redação nem participado como treineiro. No geral, podem participar do Sisu:

  • Apenas quem fez o último ENEM pode se inscrever.
  • Até mesmo quem tem diploma de nível superior pode se inscrever para uma vaga, diferente de outros sistemas.
  • Enquanto o período de inscrições estiver aberto é possível realizar a troca de curso, instituição ou turno.
  • Todo o processo é feito de forma virtual, desde a inscrição até a seleção. Por isso, as instituições devem oferecer aos estudantes a opção de usar os seus computadores para realizar as inscrições.

Além do mais, todas as etapas do Sisu são gratuitas. Portanto, a cobrança de qualquer taxa é indevida e fraudulenta. Lembrando que o programa oferece vagas somente para instituições de ensino públicas, desde que o estudante consiga adquirir a nota de corte para o curso que deseja.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.