Economia de serviços registra novo crescimento de março para abril

De acordo com a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o setor de serviços no Brasil teve um crescimento de 0,2% de março para abril. Com isso, ficou 7,2% acima do resultado obtido antes do início da pandemia no Brasil.

Segundo o PMS o crescimento foi devido a duas atividades: informação e comunicação (0,7%) e serviços prestados às famílias (1,9%). Apesar desse bom resultado, três, entre as cinco atividades pesquisadas tiveram queda no período.

O serviço de transporte teve uma queda de 1,7%. Já a área de profissionais, administrativos e complementares ficou 0,6% abaixo da última pesquisa. Por fim, os outros serviços registrou um tombo de 1,6% entre março e abril deste ano, segundo o PMS.

O resultado positivo nos serviços também foi obtido entre os meses de fevereiro e março deste ano. Porém, no período o crescimento foi de 1,4%, mostrando assim uma desaceleração. Mesmo com o crescendo o índice está 4,2% abaixo do ponto mais alto desde o início do registro, ou seja, em novembro de 2014.

Comparado ao ano passado, os serviços também tiveram alta de 9,4% em relação ao mês de abril. No acumulado do ano o crescimento foi de 9,5%. O melhor resultado foi obtido no acumulado de 12 meses, 12,8%.

A pesquisa também mostra como o setor de serviços está funcionando nos Estados. De acordo com os dados apresentados, das 27 unidades da federação, 12 registraram alta entre março e abril.

Os maiores destaques foram: Rio Grande do Norte (7,9%), Espírito Santo (3,6%), Ceará (2,4%) e Rio de Janeiro (1,0%). O Carnaval fora de época pode ter ajudado na economia brasileira, principalmente na cidade maravilhosa.

(11) Como a guerra entre Rússia e Ucrânia afeta a economia do Brasil? – YouTube

Pandemia e o efeito no setor de serviços

A pandemia de Covid-19 teve o primeiro caso confirmado em março de 2020. Desde então, o país segue enfrentando, hoje, mais controlada graças à vacinação. Durante todo esse período a demanda por informação e novos meios de comunicação tiveram uma alta demanda que perdura até a atualidade.

Entre os serviços prestados às famílias, o maior crescimento foi em alojamento e alimentação. Esse resultado mostra o atual cenário, com a flexibilização das medidas restritivas e o retorno das viagens e  dos encontros sociais em bares e restaurantes.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.