Taxa extra da Netflix está deixando usuários confusos; entenda

Após experimentar perda de usuários em um trimestre pela primeira vez desde a sua criação, a Netflix vem anunciando mudanças na sua plataforma de streaming. Uma delas já começou a ser testada em três países da América Latina: Peru, Chile e Costa Rica. Trata-se da cobrança de uma taxa adicional para contas que são compartilhadas por vários usuários. Os critérios mal elaborados dessa cobrança, no entanto, têm deixado muita gente nesses países confusa.

A Netflix implantou, de forma experimental, uma cobrança de 2,99 dólares, além da assinatura, para cada pessoa que acessar a conta “fora da residência” do titular. A plataforma, no entanto, não estabeleceu se essa cobrança seria sobre qualquer acesso feito fora da residência, inclusive pelo próprio titular da conta, ou se incidiria sobre pessoas que não residem com o titular ou não fazem parte da família dele.

Confusos, os usuários ligam para o suporte da Netflix em busca de esclarecimentos, mas se deparam com o fato inusitado de que nem mesmo os funcionários da empresa sabem ao certo como a nova cobrança funciona.

Alguns dos funcionários relataram a situação, sob anonimado, para o site Rest of World. Eles disseram que orientam os usuários a “escapar” da cobrança extra, aplicando um código de verificação sempre que o acesso for feito “de fora da residência”.

A situação também está preocupando órgãos de defesa do consumidor do Peru, Chile e Costa Rica. Eles cobram da Netflix maior clareza sobre o funcionamento das novas regras.

Mais mudanças na Netflix

A Netflix relatou ter perdido 200 mil usuários em todo o mundo no primeiro trimestre de 2022, situação que nunca havia ocorrido antes nos seus 25 anos de existência. A notícia levou a uma fuga de investidores e uma queda considerável no valor de mercado da empresa.

O mal desempenho, segundo especialistas, se deve ao aumento da concorrência no setor de streaming nos últimos anos, com diferentes plataformas investindo em conteúdo original para atrair um público potencial que é bem menor do que se supunha.

Nesse cenário, a Netflix planeja lançar algumas novidades nos próximos meses. Além da taxa extra que citamos acima, que visa diminuir o compartilhamento de contas, a plataforma de streaming planeja lançar planos mais baratos, com exibição de propaganda.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amaury Nogueira
Amaury da Silva Nogueira é bacharelando em Letras/Edição pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Apaixonado pelo universo da escrita, atua há dois anos como redator e realiza pesquisas sobre história da edição no Brasil. Além disso, atualmente pesquisa também sobre direitos e benefícios sociais para agregar conhecimento na redação do portal de notícias FDR.