Dia do Consumidor: Veja 3 dicas para comprar com descontos e ainda quitar dívidas

Hoje, dia 15 de março, celebramos o Dia do Consumidor. E esta é uma ótima oportunidade para conseguir fazer boas compras com descontos e também garantir condições especiais para negociar e quitar suas dívidas. Mas é preciso alguns cuidados para não se endividar ainda mais.

Os comerciantes estão sempre buscando novas ações para movimentarem o comércio, principalmente nos meses em que as vendas costumam ser mais baixas. Foi assim com a Black Friday, data que já está mais do que consolidada para os brasileiros.

E agora, é o caso do Dia do Consumidor, uma data comemorada mundialmente e que tende a se tornar cada vez mais popular aqui no nosso país. Principalmente por que as contas do início do ano já passaram e o consumidor começa a ficar mais folgado com as despesas.

Priorize as dívidas

Antes de sair em busca de descontos arrasadores nas compras, se você tem dívidas, elas devem ser priorizadas. Vários bancos, instituições financeiras e empresas fazem campanhas para quitação e negociação de dívidas nesta data.

Mas não fique esperando a boa negociação cair do céu. Faça pesquisa nos sites e entre em contato com os seus credores perguntando se eles têm alguma proposta de negociação com desconto por ocasião do dia do consumidor.

Não tenha medo de tomar a iniciativa de ir atrás dos descontos, nem se sinta coagido em ter que fechar nenhuma proposta. Mas assuma a responsabilidade pela negociação, afinal, é um assunto do seu interesse.

Além dos descontos por conta do Dia do Consumidor, até o dia 31 de março, o Serasa está promovendo mais uma edição do Feirão Limpa Nome 2022 com até 99% de desconto nas negociações. Vale a pena conferir!

Feche apenas os acordos que sejam favoráveis para você

Não se sinta pressionado a fechar nenhuma negociação. Se você não tem segurança se a proposta que estão lhe oferecendo é a mais vantajosa ou tem medo de assumir um compromisso que não vai ter condições de honrar, simplesmente, tenha calma.

Se você estiver ouvindo a proposta por telefone, ou até mesmo presencialmente, agradeça, diga que vai analisar com calma e retornar com a resposta. Para te ajudar a decidir, eu já escrevi esse artigo: Dicas valiosas para lidar com suas dívidas de uma vez!

Cuidado para não sair comprando por impulso

Lembre-se sempre: diante de uma grande promoção de algo desnecessário, se você não comprar, o desconto será sempre maior.

Crie o hábito de fazer a sua lista de desejo de compras e classifique cada item desta lista conforme o seu grau de necessidade. Está tudo bem comprar algo que não seja extremamente necessário, apenas para suprir um desejo pessoal, desde que você não fique endividado por este motivo.

Para resistir aos impulsos, você pode aplicar a regra dos 3 dias. Ou seja, espere 3 dias para concluir a compra. Se ao final dos 3 dias, você nem se lembrar mais daquele produto, significa que ele não era tão relevante assim e você conseguiu resistir à compra por impulso.

Mas, se ao final dos 3 dias, você chegar à conclusão de que a compra é de fato necessária, volte à loja e compre sem culpa!

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Karem Ochsendorf
Formada em Engenharia Elétrica com ênfase em Telecomunicações, e graduanda em Filosofia. Atualmente, pesquisa e trabalha como Educadora Financeira com mais de 10 anos de experiência no mercado. No FDR, possui sua própria coluna com dicas e orientações sobre como lidar com as finanças de maneira positiva.