CVC está com 350 vagas para home office; saiba como se candidatar

Mesmo com o retorno incerto do turismo, a empresa CVC, que funciona como agência de viagens, está investindo na contratação na área de atendimento. Com isso, a empresa está com 350 vagas abertas para trabalhos na modalidade home office.

O foco da CVC nesse momento de incerteza no setor de turismo é atender os clientes e tirar todas as suas dúvidas. Para isso, a empresa viu a necessidade de ampliar o número de colaboradores na área de atendimento.

Dessa maneira, está oferecendo 350 vagas para a área. Os selecionados irão atuar em home office, devido ao aumento de risco de contaminação por Covid-19 e influenza (H3N2). A empresa procura por pessoas para a unidade de negócios B2B, que atende mais de 10 mil agências.

Além disso, há vagas para a área de operações (back office) que é responsável por toda a viagem do cliente. Todas essas vagas de emprego são no formato home office e, portanto, candidatos de todo o Brasil podem se inscrever pelo site da CVC.

Mesmo sendo uma atividade exercida em home office, a empresa oferecerá aos seus novos colaboradores o seguro-saúde, vale-refeição e/ou alimentação, auxílio home office, day off de aniversário e descontos em viagens.

O presidente da CVC, Leonel Andrade, assumiu a posição em abril de 2020 e logo em seguida teve que enfrentar a crise da pandemia de Covid-19. Com isso, precisou colocar seus funcionários para trabalharem de casa.

Diante disso, Andrade afirmou que não arrisca fazer previsões para o setor do turismo em 2022. Isso porque, segundo ele, todas as previsões realizadas se mostram equivocadas em algum momento.

Sendo assim, o presidente da CVC afirmou que a única certeza é que a pandemia irá passar em algum momento e que é necessário estar preparado para o retorno das viagens. A empresa detém, atualmente, 25% de todas as transações do turismo.

Com isso, as novas variantes da Covid-19 e a influenza impacta diretamente a companhia. Na semana passada, por exemplo, um cruzeiro com embarque no Porto de Santos (SP) foi cancelado, sendo que dos 4 mil passageiros, 1,2 mil eram clientes da CVC.

Quando há esses cancelamentos, todos os canais de comunicação da empresa ficam sobrecarregados gerando problemas no atendimento e deixando os clientes insatisfeitos. Por esse motivo, há a necessidade de ampliar esse atendimento.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.