Governo de Santa Catarina divulga grupo prioritário para 3ª dose da vacina

O Governo de Santa Catarina autorizou a aplicação da 3ª dose da vacina contra a Covid-19. Porém, neste primeiro momento, a vacinação da dose de reforço acontecerá apenas para um grupo prioritário.

Governo de Santa Catarina divulga grupo prioritário para 3ª dose da vacina
Governo de Santa Catarina divulga grupo prioritário para 3ª dose da vacina (Imagem: Paulo Paiva/Agif/Estadão Conteúdo)

Na última quarta-feira (1º), a Secretaria de Saúde do Estado de Santa Catarina autorizou a 3ª dose da vacina nos idosos acima de 70 anos e pessoas imunossuprimidos. Veja abaixo as condições incluídas:

  • Pessoas transplantadas de órgão sólido ou de medula óssea;
  • Pessoas com HIV e CD4 <350 células/mm3;
  • Pessoas com doenças reumáticas imunomediadas sistêmicas em atividade e em uso de dose de prednisona ou equivalente > 10 mg/dia ou recebendo pulsoterapia com corticoide e/ou ciclofosfamida;
  • Pessoas em uso de imunossupressores ou com imunodeficiências primárias;
  • Pessoas com neoplasias hematológicas;
  • Pacientes oncológicos que realizaram tratamento quimioterápico ou radioterápico nos últimos seis meses.

A recomendação do Ministério da Saúde é que essas pessoas sejam vacinadas com a dose de reforço quando a doença estiver controlada. Sobre a 3ª dose da vacina contra Covid-19 em idosos, o Estado divulgou a seguinte ordem de idade:

  • Idosos de 85 anos e mais;
  • Idosos de 80 a 84 anos;
  • Idosos de 75 a 79 anos;
  • Idosos de 70 a 74 anos.

Na semana passada, durante o anúncio da 3ª dose da vacina, o Ministério da Saúde informou que o reforço deveria ser feito, preferencialmente, com o imunizante Pfizer. Porém, na falta do mesmo, poderá ser usada vacina da AstraZeneca e Janssen.

Poderá receber a 3ª dose, os idosos com esquema vacinal completo há mais de seis meses. Os imunossuprimidos, ou seja, que tenham a imunidade comprometida, poderão receber o imunizante após 28 dias da 2ª dose.

Para a dose de reforço, a estratégia a ser adotada é a intercambialidade de imunizantes. Com isso, serão combinadas vacinas de fabricantes diferentes. Segundo os especialistas, há evidências que essa ação leva a uma proteção ainda maior.

Além da divulgação do grupo prioritário para a dose de reforço, o Governo de Santa Catarina apresentou os critérios para a vacinação dos adolescentes com idade entre 17 e 12 anos.

A imunização só poderá acontecer com a vacina da Pfizer. A campanha desse grupo teve início na última quarta-feira (1º de setembro). A estimativa é vacinar 549.894 mil adolescentes que residem em Santa Catarina.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4
Total de Votos: 2

Governo de Santa Catarina divulga grupo prioritário para 3ª dose da vacina

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA