Prefeitura do Rio anuncia nova fase da flexibilização de medidas contra COVID-19

A capital do Rio de Janeiro anunciou, nesta sexta-feira (7), uma nova fase da flexibilização das medidas restritivas. Com isso, as praias voltam a ser liberadas nos fins de semana e os bares não têm mais hora para fechar.

Prefeitura do Rio anuncia nova fase da flexibilização de medidas contra COVID-19
Prefeitura do Rio anuncia nova fase da flexibilização de medidas contra COVID-19 (Imagem: André Melo Andrade/Estadão)

O anúncio foi feito pelo prefeito do Rio, Eduardo Paes (DEM). O decreto entra em vigor de forma imediata e fica válido até o dia 20 de maio. De acordo com Paes, mesmo a cidade tendo registrado recorde no número de casos, a taxa de contágio, mortes e internações está em queda lenta.

Segundo o prefeito o que houve foi um recorde no registro que contempla alguns dias. Por esse motivo, a nova fase da flexibilização das medidas restritivas é possível. Porém, alertou que é importante manter o distanciamento social e a higienização das mãos.

Com o novo decreto, parques, praias e cachoeiras estão liberadas para todo o público, inclusive nos fins de semana. Além disso, bares, lanchonetes, restaurantes e quiosques poderão voltar a funcionar.

Porém, é exigido que os clientes permaneçam sentados e que haja um distanciamento de, no mínimo, dois metros entre as mesas. Não há mais restrição de horário para esses estabelecimentos, portanto, não há horário estabelecido para fechar. Isso ocorre porque a prefeitura acabou com o toque de recolher.

Os estabelecimentos que oferecerem música ao vivo só poderá oferecer o entretenimento até às 23h. Mesmo com a nova fase da flexibilização boates, casas de shows e rodas de samba continuam proibidas.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
OPORTUNIDADE
Novo Cartão de crédito queridinho do Brasil, sem anuidade e que você pode solicitar agora 34.787 pessoas já solicitaram

O prefeito do Rio informou que a nova fase está prevista para vigorar até 20 de maio. Porém, caso o número de contágio e mortes por Covid-19 volte a crescer a medida por ser revista. O mesmo vale se os comerciantes e a população não respeitarem as regras de distanciamento.

Além disso, Paes informou que pode impor medidas mais restritivas em áreas específicas, caso seja necessário. Atualmente, a capital registra 275.833 casos de covid-19, sendo 57.812 graves, e 24.495 mortes decorrentes da doença.

Em defesa da nova fase da flexibilização de medidas restritivas, o prefeito disse que esses dados retratam um determinado momento. Na ocasião, segundo ele, foram adotadas as medidas mais duras de restrições sociais.

Glaúcia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.