Toque de recolher é reduzido e horário do comércio é ampliado no DF

Na última segunda-feira, 3, o governador do Distrito Federal (DF) assinou o Decreto que impõe novas medidas em combate à Covid-19. O Decreto está em vigor desde a data de publicação.

Toque de recolher é reduzido e horário do comércio é ampliado no DF
Toque de recolher é reduzido e horário do comércio é ampliado no DF. (Imagem: Renato Alves/Agência Brasília)

As principais aplicadas no DF se referem à redução do toque de recolher e ampliação do horário de funcionamento do comércio local.

De agora em diante, o toque de recolher que antes começava às 22h, passou para 00h até às 05h. Enquanto isso, shoppings e o comércio de rua podem ficar abertos entre 10h e 22h.

Na situação específica dos bares e restaurantes, desde a última segunda-feira, 3, estes estabelecimentos podem funcionar entre 11h e 23h. Esta medida inclui cinemas, teatros, circos, entre outras atividades similares em todo o DF

Outro ponto que também foi abordado corresponde à comercialização de bebidas alcoólicas, que fica proibida após as 23h em todos os estabelecimentos comerciais. A restrição inclui os serviços realizados na modalidade drive-thru e delivery.

Para os demais serviços vinculados principalmente à alimentação, o drive-thru e delivery ficam autorizados até as 23h.

“Ainda vivemos um período difícil da pandemia, mas já podemos flexibilizar mais até como forma de apoiar os empreendedores e funcionários”, declarou o governador.

Sendo assim, a circulação individual de pessoas após a 00h fica permitida somente se estiver relacionado ao retorno à residência após a jornada de trabalho. Tal condição deve ser comprovada.

Na oportunidade, o governador Ibaneis Rocha, ressaltou que embora as medidas restritivas à pandemia da Covid-19 tenham sido flexibilizadas, “os cuidados devem ser os mesmos de antes: distanciamento social, usar máscara e higienizar as mãos”, completou.

Veja resumidamente um balanço com os novos horários de funcionamento para cada serviço no DF:

Shoppings e comércio de rua

  • Como era: funcionamento das 13h às 21h;
  • Como vai ficar: funcionamento das 10h às 22h.

Toque de recolher

  • Como era: das 22h às 5h;
  • Como vai ficar: de 0h às 5h.

Venda de bebidas alcoólicas

  • Como era: proibida de 21h às 5h;
  • Como vai ficar: proibida de 23h às 5h.

Bares e restaurantes

  • Como era: funcionamento autorizado até as 21h;
  • Como vai ficar: funcionamento autorizado até as 23h.

Delivery

  • Como era: encomendas delivery (com exceção das bebidas alcoólicas, que têm norma própria) podem ser aceitas até 22h, com entregas até 23h.
  • Como vai ficar: encomendas delivery (com exceção das bebidas alcoólicas, que têm norma própria) podem ser aceitas até 23h, com entregas até 0h.

É importante ressaltar que as restrições de horário valem para delivery, drive-thru e take-out.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.