O que o governo precisa para aprovar antecipação do 13° salário do INSS?

A expectativa era o pagamento do 13° salário do INSS fosse antecipado. O governo queria pagar a primeira parcela ainda no mês de abril e a segunda em maio, como aconteceu em 2020. Porém, com o atraso na aprovação do Orçamento da União de 2021, as parcelas ainda não podem ser antecipadas.

O que o governo precisa para aprovar antecipação do 13° salário do INSS?
O que o governo precisa para aprovar antecipação do 13° salário do INSS? (Imagem: montagem/FDR)

O 13° salário do INSS é pago em duas parcelas. Elas acontecem no mês de agosto e novembro. A segunda parcela é paga com as devidas reduções tributárias do Imposto de Renda, quando as mesmas ocorrem.

Porém, no ano passado, devido à pandemia de Covid-19, o pagamento do 13° salário do INSS foi antecipado. Dessa maneira, a primeira parcela foi paga no mês de abril e a segunda no mês de maio.

Essa medida teve como objetivo ajudar os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a enfrentar a pandemia. Isso porque, a maioria desses teve que arcar com todas as despesas da família, após o aumento do desemprego e a falta de trabalho, por causa das restrições.

Por causa do aumento de casos e mortes por Covid-19, o governo anunciou, mais uma vez, a antecipação do 13° salário do INSS. A previsão era pagar no mesmo período que o ano passado. Porém, para isso, o Orçamento Geral da União 2021 precisava ser aprovado.

O problema é que até o momento isso não aconteceu. Por esse motivo, é previsto que as parcelas sejam pagas nos meses de maio e junho. Porém, para que isso ocorra o Orçamento de 2021 precisa ser aprovado ainda esta semana.

Saque do 13° salário do INSS

O pagamento segue o calendário de pagamentos disponibilizados pelo Instituto. Sendo assim, caso o Orçamento seja aprovado nos próximos dias, os segurados do INSS que têm direito ao abono natalino irão receber as parcelas de antecipação nas seguintes datas:

Benefícios com valor de até um salário mínimo
Final 1ª parcela do 13º 2ª parcela do 13º
1 25 de maio 24 de junho
2 26 de maio 25 de junho
3 27 de maio 28 de junho
4 28 de maio 29 de junho
5 31 de maio 30 de junho
6 01 de junho 01 de julho
7 02 de junho 02 de julho
8 04 de junho 05 de julho
9 07 de junho 06 de julho
0 08 de junho 07 de julho

 

Benefícios com valor acima de um salário mínimo
Final 1ª parcela do 13º 2ª parcela do 13º
1 e 6 01 de junho 01 de julho
2 e 7 02 de junho 02 de julho
3 e 8 04 de junho 05 de julho
4 e 9 07 de junho 06 de julho
5 e 0 08 de junho 07 de julho

Glaucia AlvesGlaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 7 anos. Esse ano começou a trabalhar como redatora e como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR e realiza consultoria de redação on-line.