NOVO salário mínimo: listamos todos os aumentos previstos nos seus benefícios

O governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), enviou ao Congresso Nacional a proposta com o novo salário mínimo federal. A ideia é que a quantia suba R$ 90, comparado ao valor atual, o que totaliza um reajuste de 6,3%. Agora, deputados e senadores deverão votar para decidir se esta quantia deve ser aprovada. 

salário mínimo
NOVO salário mínimo: listamos todos os aumentos previstos nos seus benefícios (Imagem: FDR)

O novo salário mínimo foi incluso no projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) de 2025. No texto o governo federal incluí todos os gastos que prevê para o ano seguinte, isso é, a expectativa de orçamento para continuar manter o funcionamento do país. O poder Legislativo é que deve votar e aprovar o PLDO. 

Fazem parte do Legislativo os deputados e senadores. Os valores inclusos no texto, porém, ainda poderão ser alterados. A ideia é que os políticos que são responsáveis por fiscalizar o governo, consigam entender como o dinheiro vai ser quanto, e quanto cada pasta vai receber de investimento no próximo ano. 

Isso significa que qualquer mudança no salário mínimo não vai acontecer em 2024, e que o piso salarial continua sendo de R$ 1.412 este ano. Qualquer alteração aprovada vai mudar o salário a partir de janeiro do ano que vem, conforme prevê a Constituição Federal que obriga o reajuste para manter o poder de compra do cidadão. 

Qual será o novo salário mínimo em 2025?

De acordo com a apresentação do PLDO, o valor do novo salário mínimo vai subir R$ 90 comparado a quantia atual. Este é um reajuste tímido, e pouco menor do que o crescimento do salário de 2023 para 2024 que passou de R$ 1.320, para R$ 1.412. Do ano passado para hoje, o aumento foi de R$ 92. 

Caso se confirme o valor do salário mínimo proposto pelo Orçamento de 2025, os brasileiros receberão por meio dele:

  • Novo salário mínimo: R$ 1.502,00 a partir de janeiro de 2025;
  • Aumento de 6,37% comparado ao piso atual. 

Embora na conta do brasileiro o aumento pareça pouco, para o governo traz grandes impactos. É que de acordo com cálculos públicos, a cada R$ 1 de aumento do salário mínimo criou-se uma despesa em 2024 de aproximadamente R$ 389 milhões.

Como é calculado o valor do salário mínimo?

Com o retorno do presidente Lula para o comando do país, um tipo de cálculo que era usado até o governo Dilma (PT) voltou a funcionar. Nele, o salário mínimo deve crescer acima da inflação, por isso são usados dois tipos de índices para definir o reajuste. 

  • a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) em 12 meses até novembro – como prevê a Constituição; +
  • o índice de crescimento real do Produto Interno Bruto (PIB) dos dois anos anteriores. No caso de 2025, vale o PIB de 2023 – que cresceu 2,9%.

Como ainda estamos em abril e o valor do INPC do ano será fixado apenas em dezembro, o que se usa para chegar ao valor de R$ 1.502,00 são expectativas. A quantia exata somente vai ser definida no final deste ano, como aconteceu na última publicação que eu trouxe mais detalhes nesta matéria.  

O que muda nos benefícios com o novo valor do salário mínimo?

Caso o valor de R$ 1.502,00 realmente seja aprovado como o novo valor do salário mínimo, ele vai mudar a quantia paga em uma série de benefícios. 

De acordo com informações divulgadas pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o salário mínimo serve de referência para 54 milhões de pessoas no Brasil. Isso porque, além de ser o piso pago por 8 horas de serviço diárias, ainda é responsável pelos seguintes benefícios:

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: lilacunha.fdr@gmail.com