Governo anuncia novidade para MEI e surpreende com benefício; entenda

O ministro do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, Márcio França, anunciou a possibilidade de lançamento de um programa de renegociação de dívidas voltado para quem é MEI, inspirado no “Desenrola Brasil”.

Governo anuncia novidade para MEI e surpreende com benefício; entenda (Imagem: FDR)

Márcio França revelou que o governo está em fase avançada de discussões sobre a implementação de um programa que visa aliviar as dívidas de pequenas empresas. Inspirado no “Desenrola Brasil”, a proposta ainda está em processo de definição, mas há otimismo quanto ao lançamento até março deste ano.

O ministro ressaltou que a iniciativa pode beneficiar até 7 milhões de Microempreendedores Individuais (MEIs) que enfrentam dívidas junto ao governo. Para se qualificar como MEI, o empreendedor deve ter um faturamento anual de até R$ 81 mil.

Novidades para MEIs em 2024

Para os próximos meses também está sendo esperada a decisão de reajuste do limite anual de faturamento do MEI. A expectativa é que o valor passe dos atuais R$ 81 mil para algo em torno de R$ 144 mil.

Além do programa de renegociação, França também defendeu a extensão do prazo para microempresas (ME) e empresas de pequeno porte (EPP) aderirem ao Simples Nacional, um regime tributário simplificado.

A categoria de microempresa abrange aquelas com receita bruta anual de até R$ 360 mil, enquanto empresas de pequeno porte têm receita entre R$ 360 mil e R$ 4,8 milhões. O ministro sugeriu que o prazo, inicialmente até 31 de janeiro, seja estendido até abril ou maio para proporcionar um “fôlego” aos pequenos negócios.

França destacou que essa prorrogação poderia coincidir com o Dia das Mães, proporcionando um alívio significativo aos negócios enquadrados no Simples Nacional.

Quando as novidades serão implementadas?

O ministro se reuniu com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, para discutir detalhes e planos de implementação. França expressou otimismo quanto à viabilidade do programa, destacando que o governo está atento às demandas dos empreendedores e buscando soluções efetivas.

A proposta aguarda aprovação final, e França enfatizou que, caso seja implementada, será uma medida crucial para apoiar a recuperação econômica das pequenas empresas brasileiras.

Essas iniciativas refletem o comprometimento do governo em promover um ambiente favorável aos negócios e proporcionar suporte financeiro essencial aos empreendedores durante esse período desafiador.

Ariel França
Sou produtor multimídia com mais de 10 anos de experiência. Formado em Jornalismo e pós-graduado em Direito Administrativo e Gestão Pública. Concentro-me em simplificar temas complexos, como finanças, gestão pública e administração, para torná-los acessíveis a todos os públicos. Acredito na importância de uma comunicação responsável e de alta qualidade em todas as mídias, mantendo-me atualizado constantemente para atender às demandas do mercado de forma competente.