Titulares do Bolsa família são envolvidos em polêmica e governo emite comunicado

Recentemente, uma notícia sobre a realização do corte de mais de 8 milhões de pessoas do Bolsa Família pegou diversos beneficiários do programa de surpresa. No entanto, por meio de um comunicado oficial divulgado nesta semana, o Governo Federal desmentiu a informação.

Titulares do Bolsa família são envolvidos em polêmica e governo emite comunicado
Titulares do Bolsa família são envolvidos em polêmica e governo emite comunicado. (Imagem: FDR)

Segundo o Governo Lula, a informação é falsa. Recentemente, o programa iniciou um novo pente-fino na lista de beneficiários. A iniciativa teve início ainda em 2023, com o relançamento do Bolsa Família.

Desde então, o Governo Federal tem realizado uma análise minuciosa dos cidadãos cadastrados no CadÚnico e que recebem algum tipo de pagamento de benefício social.

Confira mais detalhes sobre a regularização do Bolsa Família:

  • Análise dos cadastros obedece uma recomendação da  Controladoria-Geral da União (CGU) e do Tribunal de Contas da União (TCU);
  • No total, mais de 17 milhões de cadastros irregulares ou desatualizados foram encontrados;
  • Entre as principais irregularidades, o Governo Federal destacou:
  • Beneficiários que se declaravam como família unipessoal mas faziam parte de núcleos familiares maiores;
  • Beneficiários já falecidos mas que continuaram tendo o dinheiro sacado mensalmente;
  • Usuários com renda acima do limite estabelecido pelo Bolsa Família;
  • Desse total, o Governo Federal realizou o bloqueio temporário de mais de 8 milhões de cadastrados em 2023;
  • No entanto, com a regularização da situação, a maior parte das famílias foi reintegrada ao programa;
  • Porém, cerca de 3 milhões foram excluídas de forma definitiva por não atenderem os critérios do benefício;
  • Para evitar a exclusão, é preciso que o beneficiário esteja atento as regras;
  • Atualmente, a principal delas diz respeito a renda familiar, que não deve ultrapassar o valor de R$ 218 por pessoa;
  • Além disso, é necessário manter o CadÚnico atualizado;
  • O processo deve ser feito regularmente em uma unidade do CRAS.

Confira outros detalhes sobre o pagamento do Bolsa Família em 2024 neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.