Prorrogado! Desenrola Brasil vai até o primeiro trimestre de 2024 para público específico

Na terça-feira (12/12) o governo federal confirmou a prorrogação do Desenrola Brasil, programa de negociação de dívidas. Inicialmente a proposta era de que os serviços oferecidos durassem até dezembro deste ano, mas agora irão até o primeiro semestre de 2024. Assim, mais pessoas poderão negociar.

Prorrogado! Desenrola Brasil vai até o primeiro trimestre de 2024 para público específico
Prorrogado! Desenrola Brasil vai até o primeiro trimestre de 2024 para público específico (Imagem: FDR)

Constou no Diário Oficial da União de 12 de dezembro, a publicação da Medida Provisória que prorroga o Desenrola Brasil. O governo também anunciou novidades sobre o processo de negociação que hoje é dividido entre as faixas 1 e faixa 2. Agora, a ideia é unificar os canais de atendimento. 

Novo prazo de negociação pelo Desenrola Brasil

De acordo com a Medida Provisória, a ideia é que os consumidores tenham mais três meses para negociar as dívidas pelo Desenrola Brasil. Isso significa que:

  • Até março de 2024 para fazer acordos pelo Desenrola.

As condições de pagamento continuam, com possibilidade de pagar à vista com até 99% de desconto no valor original. Ou ainda, parcelando o valor total em até 160 meses, ou seja, cinco anos, mas com taxa de juros que chega a 1,99% ao mês.

Novidades para negociar no Desenrola Brasil

Na mesma data em que foi anunciada a prorrogação do Desenrola Brasil, também foram criadas novas regras para firmar os acordos. A ideia é tornar o acesso as propostas dos credores mais fácil, mas com isso o público do programa precisa estar atento porque serão automaticamente atingidos.

  • Não será mais necessário conta prata ou ouro no Gov.br, apenas nível bronze será suficiente para fazer o acordo;
  • Até 31 de dezembro quem está na faixa 2 do programa, com renda até R$ 20 mil, poderá negociar com os bancos. Após essa data os acordos nos canais bancários serão excluídos;
  • Até março de 2024 a faixa 1 e faixa 2 poderão negociar exclusivamente pelo site do Desenrola Brasil, dentro das condições ofertadas pelo credor.

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]