Imposto de renda anuncia última chamada para receber restituição imediatamente

Pago anualmente por brasileiros que possuem uma renda anual maior do que  R$28 mil, o Imposto de Renda é recolhido pela Receita Federal. Após a primeira fase de declaração, o órgão federal realiza a restituição para aqueles contribuintes que pagaram mais do que o valor que é devido.

Imposto de renda anuncia última chamada para receber restituição imediatamente
Imposto de renda anuncia última chamada para receber restituição imediatamente. (Imagem: FDR)

Essa devolução costuma ser realizada em lotes, que são abertos pela Receita Federal obedecendo alguns critérios de preferência. Neste ano, a definição foi de que os seguintes grupos deveriam ser priorizados na restituição do Imposto de Renda:

  • Idosos com idade igual ou superior a 80 anos
  • Idosos acima de 60
  • Contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave
  • Pessoas cuja maior fonte de renda seja o magistério
  • Contribuintes que utilizaram a declaração pré-preenchida e pediram a restituição via Pix

A liberação dos valores devidos é realizada seguindo um calendário definido pela Receita Federal. Até agora, quatro lotes já foram liberados para os contribuintes. A restituição é realizada diretamente na conta bancária que foi informada no momento da declaração do Imposto de Renda.

Como saber se tenho direito a restituição do Imposto de Renda?

Nesta sexta-feira (22), a Receita Federal abre a consulta para que os contribuintes possam verificar se serão contemplados com a restituição do Imposto de Renda. Como esse será o quinto e último lote, todos as pessoas que tem direito a devolução mas ainda não receberam, deverão estar incluídas na nova listagem.

Para conferir se tem direito, o contribuinte precisará entrar no site da Receita Federal, disponível neste link. Lá, ele precisará informar o CPF, data de nascimento e o ano do Imposto de Renda do qual está em busca da restituição.

Caso esteja na lista dos que serão contemplados, o sistema deverá mostrar a mensagem “em fila para restituição”. Após confirmar a informação, será preciso que o contribuinte aguarde a data efetiva de liberação dos recursos.

Segundo a Receita Federal, esse processo deverá ser realizado no dia 29 deste mês. Na data, todos os contribuintes que ainda possuem a restituição pendente terão os valores devidos pela Receita depositados em suas contas.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.