Petrobras pagará BILHÕES em DIVIDENDOS do segundo trimestre; descubra valor por ação

Na última quinta-feira (28), a Petrobras anunciou que pagará R$ 87,8 bilhões de dividendos relativos ao lucro do segundo trimestre deste ano. O pagamento acontecerá em duas parcelas, sendo a primeira em 31 de agosto e a segunda em 20 de setembro.

publicidade
Petrobras pagará BILHÕES em DIVIDENDOS do segundo trimestre; descubra valor por ação
Petrobras pagará BILHÕES em DIVIDENDOS do segundo trimestre; descubra valor por ação (Imagem: Montagem/FDR)

Com relação ao primeiro trimestre deste ano, os dividendos pagos pela Petrobras chegaram a R$ 48,5 bilhões. Sendo assim, ao considerar o primeiro semestre, a estatal chegou a aprovar o pagamento de R$ 136,3 bilhões. Deste total, quase R$ 50 bilhões serão direcionados aos cofres da União.

A Petrobras informa que “a aprovação do dividendo proposto é compatível com a sustentabilidade financeira da companhia no curto, médio e longo prazo”.

publicidade

A estatal ainda declara que essa decisão “está alinhada ao compromisso de geração de valor para a sociedade e para os acionistas, assim como às melhores práticas da indústria mundial de petróleo e gás natural”.

Pagamento dos dividendos da Petrobras

A estatal informa que os dividendos serão pagos em duas parcelas iguais, do seguinte modo:

O valor a ser pago será de R$ 6,732003 por ação preferencial e ordinária em circulação, sendo que:

  • A primeira parcela, no total de R$ 3,366002 por ação preferencial e ordinária em circulação, será paga em 31 de agosto deste ano.
  • A segunda parcela, no total de R$ 3,366001 por ação preferencial e ordinária, será paga em 20 de setembro deste ano.

A data de corte será dia 11 de agosto deste ano. Os valores serão direcionados aos investidores que deterem as ações de emissão da Petrobras negociadas na bolsa de valores brasileira, a B3.

Sendo assim, as ações da Petrobras serão negociadas ex-direitos na bolsa brasileira a partir de 12 de agosto.

publicidade

Forma de distribuição dos dividendos da Petrobras

A primeira parcela de pagamento será feita deste modo:

  • dividendos, de R$ 2,938861 por ação preferencial e ordinária em circulação; e
  • juros sobre capital próprio de R$ 0,427141 por ação preferencial e ordinária em circulação.

A segunda parcela, por sua vez, será integralmente paga sob a forma de dividendos.

publicidade

A Petrobras destaca que esses proventos serão abatidos dos dividendos a serem aprovados na Assembleia Geral Ordinária de 2023 relativos ao exercício de 2022.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

A estatal ainda informa que seus valores serão reajustados pela taxa Selic desde a data do pagamento de cada parcela até a conclusão do exercício social corrente para fins de cálculo do abatimento.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.