Carteiras recomendadas pelas principais corretoras do Brasil têm performance negativa em junho

As carteiras recomendadas por oito das dez maiores corretoras de investimento do país tiveram desempenho negativo em junho, mês marcado por quedas na Bolsas de Valores do Brasil e de outros países. Enquanto duas carteiras (ModalMais e Banco do Brasil) tiveram desempenho abaixo do da B3 (-11,5%), as que se saíram melhor, como Rico (-5,12%) e NuInvest (-9,60%) também tiveram resultado bem negativo.

publicidade

Os dados fazem parte do Ranking Grana Capital de Ações Recomendadas, divulgado todos os meses pela Grana Capital, empresa que oferece um app para automatizar a gestão do Imposto de Renda para investidores da Bolsa. O ranking serve como instrumento para ajudar investidores a tomarem suas próprias decisões.

As seguintes corretoras foram levadas em consideração: XP Investimentos, NuInvest, Inter, Banco do Brasil, Itaú, ModalMais, Rico e Santander. A Caixa Econômica Federal e a Clear Investimentos não foram consideradas porque não informaram se fizeram recomendações públicas em maio de 2022.

Confira o ranking completo para o mês de junho:

publicidade
  • Rico: -5,12%
  • NuInvest: -9,60%
  • Santander: -9,74%
  • Itaú Top 5: -9,84%
  • Inter: -10,49%
  • XP: -10,68%
  • ModalMais: -13,32%
  • Banco do Brasil: -14,83%

“O mês de junho foi negativo no mercado de capitais, representando uma queda em relação à maio, quando o Ibovespa e metade das carteiras recomendadas tiveram performance positiva. Entre os ativos sugeridos, o que mais subiu em junho foi o da Eletrobras (ELET3), com variação positiva de 9,63%, enquanto o que mais caiu foi o da CBA (CBAV3), com queda de 29,35%”, explica o CEO da
Grana Capital, André Kelmanson.

Ele também comenta que a ação mais citada nas recomendações foi a da Vale (VALE3), com presença em seis carteiras, mas queda de -11,19%. Outra ação muito recomendada foi a da JBS (JBSS3), com variação negativa de -11,26% e presença em quatro carteiras. Petrobras (PETR4), com -7,09%, Itaú (ITUB4), com -13,34%, Localiza (RENT3), com -8,88%, e Banco do Brasil (BBAS3) -8,85%, apareceram em três carteiras.

Desempenho no semestre

A Grana Capital também divulgou dados sobre o desempenho das carteiras recomendas pelas principais corretoras do país ao longo do primeiro semestre de 2022, fechado em junho.

A única que teve desempenho positivo foi a Itaú Top 5, mas Inter e Santander também conseguiram ficar acima do Bovespa, que fechou o semestre em -6%.

  • Itaú Top 5: +5,05%
  • Inter: -2,23%
  • Santander: -2,64%
  • Rico: -6,9%
  • XP: -10,45%
  • NuInvest: -12,62%
  • Banco do Brasil: -20,62%
  • ModalMais: -30,81%
publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Amaury Nogueira
Amaury da Silva Nogueira é bacharelando em Letras/Edição pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Apaixonado pelo universo da escrita, atua há dois anos como redator e realiza pesquisas sobre história da edição no Brasil. Além disso, atualmente pesquisa também sobre direitos e benefícios sociais para agregar conhecimento na redação do portal de notícias FDR.