Seguro desemprego: simule o valor das suas parcelas e veja quanto pode receber

Trabalhadores podem simular o valor da parcela do seguro desemprego. Com o mercado de trabalho cada vez mais instável, muitas pessoas passam a buscar informações sobre os benefícios e direitos de quem atua no regime CLT. Abaixo, saiba como calcular o valor a ser recebido em caso de demissão sem justa causa.

Seguro desemprego: simule o valor das suas parcelas e veja quanto pode receber (Imagem: FDR)
Seguro desemprego: simule o valor das suas parcelas e veja quanto pode receber (Imagem: FDR)

O seguro desemprego tem como objetivo garantir uma renda mínima para o trabalhador que é desligado da sua empresa. Sua concessão, no entanto, só é garantia quando o cidadão trabalha de carteira assinada, sendo comprovada a demissão sem justa causa.

Como funciona o cálculo do seguro desemprego?

Para saber o valor exato que receberá, o cidadão tem que considerar uma série de fatores. O primeiro deles é o salário registrado na carteira de trabalho, depois é preciso observar a quantidade de vezes em que o abono foi solicitado e por fim o espaçamento entre esses pedidos.

De modo geral, a quantia mínima é de R$ 1.212, tendo em vista que o abono é fixado com base no piso nacional. No entanto, o Governo Federal autoriza os repasses da seguinte maneira:

  • Quem recebe até R$ 1.858,17 deve multiplicar o salário médio dos últimos três meses por 0,8. O valor não deve ser inferior a R$ 1.212
  • Os empregados que tinham salários de R$ 1.858,18 até R$ 3.097,26 devem multiplicar a quantia que exceder R$ 1.858,17 por 0,5 e somar com R$ 1.486,53
  • Quem recebia em média mais do que R$ 3.097,26 terá direito, invariavelmente, a R$ 2.106,08

Quantas parcelas posso receber?

  • Vai receber 3 parcelas quem comprovar pelo menos seis meses de trabalho;
  • O trabalhador que conseguir comprovar pelo menos 12 meses de trabalho, vai receber 4 parcelas;
  • Se o trabalhador comprovar pelo menos 24 meses de trabalho, vai receber 5 parcelas.

Para ter certeza do seu pagamento, você pode fazer a simulação do seguro desemprego em nossa calculadora virtual. Basta clicar aqui.

Como solicitar o seguro desemprego?

seguro-desemprego pode ser solicitado diretamente pelos seguintes meios:

  • Pelo aplicativo da Carteira de Trabalho Digital – disponível para download na versão Android ou versão iOS;
  • Pelo portalgov.br;
  • Pelo telefone 158 (Alô Trabalho). A ligação é gratuita de telefone fixo de todo o país.

Documentação necessária:

  • Documento do Requerimento do Seguro-Desemprego (recebido pelo empregador no momento da dispensa sem justa causa); e
  • Número do CPF.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.