Mesmo criado por Bolsonaro, beneficiários do Auxílio Brasil preferem outro candidato a presidência

Agenda social de Bolsonaro pode não ser o suficiente para manter sua popularidade. Nessa semana, uma pesquisa realizada pelo BTG-FSB relevou que parte significativa da população brasileira tem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como candidato para as eleições presidenciais. Bolsonaro, no entanto, segue em abaixo nas intenções de votos. Confira.

Mesmo criado por Bolsonaro, beneficiários do Auxílio Brasil preferem outro candidato a presidência (Imagem: FDR)
Mesmo criado por Bolsonaro, beneficiários do Auxílio Brasil preferem outro candidato a presidência (Imagem: FDR)

Nos últimos meses, o presidente Jair Bolsonaro vem aprovando uma série de benefícios sociais com o objetivo de aumentar sua popularidade. Atualmente, o Auxílio Brasil contempla mais de 17 milhões de pessoas, porém o atual chefe de estado segue abaixo nas pesquisas eleitorais.

Lula em primeiro turno

De acordo com os dados do BTG, o ex-presidente Lula ainda permanece em primeiro lugar. A pesquisa revelou que 40% dos contemplados do Auxílio Brasil deverão votar no petista, enquanto 30% permanece aliado a Bolsonaro.

Com relação aos não beneficiários do projeto, 58% garante que irá votar em Lula, contra 25% de Bolsonaro. Ainda no mesmo balanço, o candidato pelo PT lidera as intenções de voto gerais do país, ficando com 43%.

Bolsonaro está na sequência com 29%, seguido de Ciro Gomes (PDT), 9%; Sergio Moro (Podemos), 8%; João Doria (PSDB), Eduardo Leite (PSDB) e André Janones (Avante), 2%; Simone Tebet (MDB), 1%; Felipe d’Ávila (Novo), 0%; nenhum, 3%; branco/nulo, 1%; não sabe ou não respondeu, 1%.

Sobre o Auxílio Brasil

O programa foi aprovado no fim de 2021 e está em concessão mensalmente. Cada beneficiário pode receber R$ 400 desde que siga as regras abaixo:

  • Ter renda familiar per capita de até R$ 89; ou
  • Ter renda familiar per capita de até R$ 178 (no caso de famílias que tenham em sua composição gestantes, nutrizes, crianças e/ou adolescentes até 17 anos);
  • Estar inscrito no CadÚnico;
  • Estar com dados atualizados no CadÚnico há, pelo menos, dois anos.

Calendário do Auxílio Brasil em março

  • NIS com final 1: 18 de março;
  • NIS com final 2: 21 de março;
  • NIS com final 3: 22 de março;
  • NIS com final 4: 23 de março;
  • NIS com final 5: 24 de março;
  • NIS com final 6: 25 de março;
  • NIS com final 7: 28 de março;
  • NIS com final 8: 29 de março;
  • NIS com final 9: 30 de março;
  • NIS com final 0: 31 de março.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.