Ambev anuncia auxílio para ambulantes e catadores no Carnaval; saiba como receber

A Ambev renovará este ano a iniciativa de auxílio a catadores de recicláveis e vendedores ambulantes, já promovida em 2021. São quase 3 mil catadores e cerca de 20 mil ambulantes beneficiados.

Os ambulantes receberão um auxílio de R$ 150 por meio do programa Ajude um Ambulante, que é feita em parceria com o app Zé Delivery, especializado na entrega de bebidas.

Como benefício adicional, a cada entrega feita pelo aplicativo entre os dias 27 de fevereiro e 5 de março, os ambulantes receberão R$ 5. No total, o ganho pode ser de até R$ 255.

Já o auxílio para catadores será de R$ 100 e beneficiará trabalhadores de cinco cidades: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife e Salvador.

O objetivo é diminuir o prejuízo que o cancelamento do Carnaval de rua e dos desfiles de escolas de samba trará para catadores e ambulantes. Assim como em 2021, esses eventos foram cancelados devido à pandemia de Covid-19.

A Ambev é uma das maiores produtoras de bebidas do mundo e distribui várias marcas conhecidas, como Brahma, Skol e Pepsi. A empresa também vem sendo impactada pela pandemia. No balanço anual divulgado ontem (24), houve recuo de 45,6% no lucro do quarto trimestre em relação ao mesmo período de 2020.

Como receber auxílio da Ambev

A empresa não informou se abrirá cadastro para novos beneficiários. Ao que tudo indica, apenas aqueles que já foram contemplados no ano passado poderão receber os auxílio este ano.

Serão contemplados os catadores de recicláveis que atuaram em parceria com a Ambev em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife e Salvador em 2020. De acordo com a Ambev, a iniciativa “demonstra o reconhecimento dos catadores como prestadores de serviços oficiais do Carnaval”.

Os ambulantes, por sua vez, tiveram que se cadastrar por meio da plataforma ajudeumambulante.com.br. Foram requisitados documentos comprovando a atuação no setor durante o Carnavais de 2019 ou 2020.

Como documentos foram aceitos credenciais, licenças, comprovante de cadastramento como ambulante, etc. Eles deviam ser entregues pela plataforma. Após a liberação de cadastro, o auxílio de R$ 150 foi liberado.

A plataforma também oferece a possibilidade de realizar um curso sobre consumo responsável de álcool e receber R$ 5 em troca.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amaury Nogueira
Amaury da Silva Nogueira é bacharelando em Letras/Edição pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Apaixonado pelo universo da escrita, atua há dois anos como redator e realiza pesquisas sobre história da edição no Brasil. Além disso, atualmente pesquisa também sobre direitos e benefícios sociais para agregar conhecimento na redação do portal de notícias FDR.