Combustível subiu! Confira impactos do aumento de preços desde janeiro de 2021

Após 77 dias, a Petrobras voltou a anunciar um novo reajuste no valor do combustível. Nesta terça-feira (11), a empresa afirmou que os preços de venda da gasolina e do diesel passarão por mudanças nas distribuidoras. E claro, o consumidor final vai sentir os impactos diretamente em seu bolso. 

A nova medida começa nesta quarta-feira, 12, e vai alterar o valor de venda dos produtos. A partir de hoje a Petrobras vai repassar para as distribuidoras o valor de R$ 3,24 por litro da gasolina, antes a quantia cobrada era de R$ 3,09.

Esta mudança equivale a uma alta de 4,85%, e embora os números pareçam relativamente baixos, quando comparamos a alta em um ano, desde janeiro de 2021, o acúmulo da gasolina chega a 77,04%. 

Enquanto isso, para o diesel o valor passa de R$ 3,34 o litro para R$ 3,61 nas distribuidoras. Neste caso o reajuste é de 8,08%, e quando comparado a janeiro do último ano a alta do diesel nas refinarias fica em 78,71%. 

Impactos para o consumidor final

Os valores apresentados serão negociados entre a Petrobras e as distribuidoras, ou seja, aquelas empresas que irão repassar o produto para o consumidor final.

Logo, além dos encargos já informados ainda devem ser aplicados as outras tributações que vão encarecer ainda mais o produto. Como a margem de lucro dos postos e os impostos estaduais.

Dados apresentados pela Agência Nacional de Petróleo e Gás (ANP), mostram que no ano de 2021 o consumidor final se deparou com um aumento de mais de 44% na gasolina e diesel, para o gás de cozinha foram 33% e no GNV 36%.

Em sua defesa, a Petrobras lembrou que o último reajuste aconteceu em outubro do ano passado. “desde então os preços praticados pela Petrobras para a gasolina foram reduzidos em R$ 0,10 litro em 15/12/2021, e permaneceram estáveis para o diesel”, afirmou em nota.

A companhia frisa que o valor reajustado não tem haver com o que o consumidor final paga aos abastecer nos postos de combustíveis. E lembrou que, por exemplo, no caso do diesel existe uma mistura de 10% de biodiesel e 90% de diesel A.

Essas complementações acabam por fazer com que do valor do combustível vendido nas bombas, R$ 3,25 a cada litro represente a Petrobras. Os demais, são outros tipos de encargos e valores, seja de impostos locais ou margem de lucro do próprio posto.

Em entrevista a Veja, Adriano Pires, especialista em energia, disse acreditar que a gasolina pode terminar 2022 ainda mais cara que 2021. Influenciado por fatores como a alta do petróleo e pressão do câmbio

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Lila Cunha
Lila Cunha é formada em jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Atua como repórter especial para o portal FDR. É responsável por selecionar as informações abordadas e garantir o padrão de qualidade das notícias veiculadas. Além disso, trabalha com apuração de hard news desde 2019, cobrindo o universo econômico em escala nacional.