PIS/Pasep 2022 é liberado a partir deste mês; quem tem direito ao abono?

Os trabalhadores formais do setor público e do setor privado poderão sacar os abonos salariais a partir deste mês. Depois de serem adiados no ano passado, agora o PIS/Pasep de 2021 e de 2022 serão pagos ao mesmo tempo. Ou seja, será possível sacar até 2 salários mínimos.

O Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), que administra os dois benefícios, anunciou o início do pagamento para janeiro. Antes, o PIS/Pasep começava a ser pago no segundo semestre de um ano e terminava no primeiro semestre do ano seguinte.

Mas através de uma resolução aprovada em junho de 2021 pelo conselho, o esquema de pagamento foi alterado e o repasse dos abonos referentes a 2020 foi adiado. A mudança foi para atender regras fiscais e seguiu recomendação da CGU (Controladoria-Geral da União).

O Ministério do Trabalho informou que o calendário de pagamentos será divulgado a partir do dia 15, quando ocorrerá uma reunião do Codefat. A expectativa é que os repasses sejam feitos de acordo com o mês de aniversário do trabalhador e que sejam completados até dezembro.

Quem tem direito ao PIS/Pasep?

Os abonos salariais PIS e Pasep são voltados aos trabalhadores com carteira assinada. Quem é MEI, por exemplo, não recebe. Enquanto o PIS é pago para trabalhadores do setor privado, o Pasep é voltado para os servidores públicos.

Confira os critérios para receber:

  • Ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano-base
  • Estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos 5 anos
  • Ter recebido remuneração média de até 2 salários mínimos no ano-base
  • Estar inscrito no RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) do ano-base

Qual o valor do PIS/Pasep?

O valor a que o trabalhador tem direito varia de acordo com o número de meses trabalhados no ano-base, podendo ser de no máximo um salário mínimo (R$ 1212 atualmente). Confira como funciona:

  • 1 mês: R$ 101
  • 2 meses: R$ 202
  • 3 meses: R$ 303
  • 4 meses: R$ 404
  • 5 meses: R$ 505
  • 6 meses: R$ 606
  • 7 meses: R$ 707
  • 8 meses: R$ 808
  • 9 meses: R$ 909
  • 10 meses: R$ 1.010
  • 11 meses: R$ 1.111
  • 12 meses: R$ 1.212

Como sacar o PIS/Pasep?

O PIS é pago através da Caixa Econômica Federal. Quem é correntista desse banco receberá o abono diretamente na conta corrente. Para os demais, é possível ir até uma agência da Caixa com documento de identidade no dia do pagamento ou sacar em qualquer caixa eletrônico ou lotérica com o Cartão Cidadão.

Já o Pasep é pago pelo Banco do Brasil. Os beneficiários podem comparecer a uma agência desse banco no dia do pagamento com documento de identidade. Se já forem correntistas, o dinheiro cai diretamente na conta.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amaury Nogueira
Amaury da Silva Nogueira é bacharelando em Letras/Edição pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Apaixonado pelo universo da escrita, atua há dois anos como redator e realiza pesquisas sobre história da edição no Brasil. Além disso, atualmente pesquisa também sobre direitos e benefícios sociais para agregar conhecimento na redação do portal de notícias FDR.