Motivos que podem cancelar seu Bolsa Família e tirar chances de receber R$ 400

O programa social Bolsa Família deve ser substituído em breve pelo Auxílio Brasil. A mudança de benefício levanta em muitos beneficiários questionamentos quanto aos motivos que podem causar o cancelamento do seu Bolsa Família, e tirar suas chances de receber R$ 400.

O bolsa família é um programa de transferência direta de renda, ele é direcionado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o Brasil, para ajudar a conseguir superar a situação de vulnerabilidade e pobreza.

O objetivo do programa é buscar garantir às famílias carentes o acesso à alimentação, educação e saúde. 

Em todo o país, são mais de 13,9 milhões de famílias atendidas pelo Bolsa Família. Os beneficiários do programa preenche os seguintes requisitos: 

  • Possuir renda mensal per capita (por pessoa) entre R$ 89 e R$ 178;
  • É necessário estar inscrito no Cadastro Único (cadúnico);
  • Ter como integrantes da família, crianças/adolescentes devidamente matriculadas na escola;
  • Integrantes em idade escolar, devem manter uma frequência na escola (85% para jovens entre 6 e 15 anos e 75% para aqueles com idade equivalente a 16 e 17 anos)
  • O calendário de vacina de crianças abaixo de 7 anos deve estar atualizado;
  • Em casos de gestantes, deve ser comprovado a realização do pré-natal.

Quando o benefício pode ser cancelado

Para ter direito ao benefício, é preciso atender aos requisitos, ou então não será  possível a solicitação ou em alguns casos quando já se é beneficiário do programa, não estar dentro dos requisitos, pode levá-lo ao cancelamento. Entenda o que pode cancelar seu benefício:

  • Deixar seu cadastro desatualizado: muitos beneficiários deixam de atualizar seus cadastros, o que pode gerar cancelamento do seu benefício, em caso de irregularidade em seus dados, o seu benefício pode sim ser cancelado.
  • Quando sua renda ultrapassa o valor permitido pelo programa: a renda per capita ou seja por membro da família do beneficiário precisa estar entre R$89,00 e R$178, se o valor é ultrapassado o benefício pode ser suspenso ou cancelado.
  • Não fazer o saque do seu benefício: são 90 dias para fazer o saque do benefício, após o pagamento ser efetuado. Se a família não faz a movimentação do valor durante o período, o governo entende que não é necessária a assistência, causando o cancelamento do benefício.
  • Bloqueio do seu benefício: se o seu benefício foi bloqueado, é necessário que o titular vá até uma unidade do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) onde será auxiliado a solicitar o pedido de reanálise.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!