Goiânia e Rio de Janeiro autorizam volta do público nos estádios de futebol

Algumas capitais brasileiras estão realizando a retomada de suas atividades econômicas, dentre elas a volta de público dentro dos estádios de futebol. Esse é o caso do Rio de Janeiro e de Goiânia.

Goiânia e Rio de Janeiro autorizam volta do público nos estádios de futebol
Goiânia e Rio de Janeiro autorizam volta do público nos estádios de futebol (Foto: Casa Vogue Globo)

Goiânia

Um decreto publicado no dia 10 de setembro pela Prefeitura de Goiânia indicou a volta de público aos estádios. Inicialmente, a liberação será para apenas 1.500 torcedores ou 30% da capacidade de cada estádio, desde que já tenham sido realizados eventos-testes específicos.

Apesar disso, ainda há restrições impostas pela Secretaria Municipal de Saúde e proibição de venda de alimentos, bebidas ou demais produtos nas imediações dos estádios.

Sendo assim, os próximos jogos terão a presença de torcida nos estádios.

Rio de Janeiro

A prefeitura do Rio deve retomar a ida dos torcedores no estádio a partir do dia 15 de setembro.

Essa liberação está em período de testes, com progressão de 35% a 50% da capacidade do estádio e deve ir até o final do mês inicialmente.

O protocolo foi apresentado pelo Flamengo e recebeu parecer favorável da Secretaria Municipal de Saúde.

Com isso, o time será o primeiro clube a ter jogos com torcida nesse cenário, contra o Grêmio. A partida no Maracanã é o jogo de volta das quartas-de-final da Copa do Brasil, no dia 15 de setembro.

O time também conseguiu a mesma liberação também em jogo contra o Grêmio, mas no dia 19 e pelo Campeonato Brasileiro, e ainda no dia 22 de setembro no jogo com o Barcelona de Guayaquil, pela Copa Libertadores.

Regras para os jogos

Para ter acesso ao estádio, os torcedores precisam realizar cadastro em um sistema on-line, comprovar a vacinação e fazer um teste RT-PCR ou de antígeno para Covid até 48h antes do jogo, em um laboratório credenciado pelo Flamengo.

Somente com o resultado negativo do exame, que será inserido diretamente no sistema pelo laboratório, a compra do ingresso poderá ser concluída.

Além disso, nas partidas, deverá ser mantido o distanciamento social de um metro em planos de assentos disponíveis e fazer uso de máscaras.

Após as partidas, a Secretaria Municipal de Saúde fará o acompanhamento dos espectadores por 15 dias, a partir dos dados informados pelo laboratório.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA