Butantan prevê para 2021 o início da vacinação da COVID-19 usando a Butanvac

Brasil poderá aplicar nova vacina contra o novo coronavírus. Na última sexta-feira (16), o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, informou que dará início aos testes da ButanVac, imunizante produzido em São Paulo. A previsão é de que o medicamento seja aprovado e passe a ser distribuído até o fim deste ano.

Butantan promete para esse ano o início da vacinação da COVID usando a Butanvac. (Imagem: Sérgio Lima/Poder 360)
Butantan promete para esse ano o início da vacinação da COVID usando a Butanvac. (Imagem: Sérgio Lima/Poder 360)

Mesmo com os cronogramas de vacinação do novo coronavírus em andamento, o Butantan segue trabalhado na criação de mais um imunizante. A ButanVac vem sendo elaborada no estado de São Paulo para ser enviada para a aprovação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), a partir de outubro.

Aplicação da ButanVac ainda este ano

De acordo com Covas, a previsão é de que o medicamento seja aceito, já havendo mais de 10 milhões de doses em estoque.

“Esperamos que a Anvisa seja rápida nessa análise. É possível que tenhamos ainda neste ano a utilização desta vacina“, afirmou o gestor.

Tendo em vista o ritmo de contágio da covid-19, espera-se que a aprovação da vacina se encaminhe através de um pedido emergencial.

Isso significa que não serão considerados os resultados clássicos de eficácia, normalmente obtidos na fase 3 da pesquisa a partir dos dados de infecção e hospitalizações de participantes do estudo.

Andamento das pesquisas

Neste momento o Butatan se prepara para iniciar a fase de testes onde haverá quatro grupos. O primeiro receberá um micrograma; o segundo será vacinado com três microgramas; o terceiro vai receber dez microgramas e quarto será vacinado com placebo.

Após a aplicação é que os pesquisadores passarão a monitorar, sem que os participantes saibam em que grupo estão avaliando assim a segurança e eficácia do imunizante. Somente após essa análise é que será definida a dosagem incorporada a vacina definitiva.

Após essa etapa 5 mil voluntários da cidade de Ribeirão Preto serão vacinados. Esse grupo contará com pessoas que já receberam outras vacinas, pessoas que já foram contaminadas e pessoas não vacinadas.

Para mais informações sobre o cronograma de vacinação contra o novo coronavírus acesse nossa página exclusiva da campanha. Por meio dela você tem acesso a atualização dos calendários de sua cidade, informes de agendamento e mais.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Eduarda Andrade
Mestre em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Atualmente se divide entre a edição do Portal FDR e a sala de aula. - Como jornalista, trabalha com foco na produção e edição de notícias relacionadas às políticas públicas sociais. Começou no FDR há três anos, ainda durante a graduação, no papel de redatora. Com o passar dos anos, foi se qualificando de modo que chegasse à edição. Atualmente é também responsável pela produção de entrevistas exclusivas que objetivam esclarecer dúvidas sobre direitos e benefícios do povo brasileiro. - Além do FDR, já trabalhou como coordenadora em assessoria de comunicação e também como assessora. Na sua cartela de clientes estavam marcas como o Grupo Pão de Açúcar, Assaí, Heineken, Colégio Motivo, shoppings da Região Metropolitana do Recife, entre outros. Possuí experiência em assessoria pública, sendo estagiária da Agência de Desenvolvimento Econômico do Estado de Pernambuco durante um ano. Foi repórter do jornal Diário de Pernambuco e passou por demais estágios trabalhando com redes sociais, cobertura de eventos e mais. - Na universidade, desenvolve pesquisas conectadas às temáticas sociais. No mestrado, trabalhou com a Análise Crítica do Discurso observando o funcionamento do parque urbano tecnológico Porto Digital enquanto uma política pública social no Bairro do Recife (PE). Atualmente compõe o corpo docente da Faculdade Santa Helena e dedica-se aos estudos da ACD juntamente com o grupo Center Of Discourse, fundado pelo professor Teun Van Dijk.