Todos os estados que anteciparam calendário para aplicar a 2ª dose da vacina

Pontos-chave
  • Com a chegada da variante Delta, originada na Índia, alguns estados do Brasil começaram a antecipar a aplicação da 2ª dose da vacina contra COVID-19;
  • A aplicação das vacinas AstraZeneca e Pfizer estão sendo antecipadas de 90 para 60 dias;
  • Com isso, as regiões pretende completar a sequência vacinal da população.

Com a chegada da variante Delta, originada na Índia, alguns estados do Brasil começaram a antecipar a aplicação da 2ª dose da vacina contra COVID-19. Com isso, as regiões pretendem completar a sequência vacinal da população, e assim garantir uma imunização mais eficaz contra as variantes do vírus.

Todos os estados que anteciparam calendário para aplicar a 2ª dose da vacina
Todos os estados que anteciparam calendário para aplicar a 2ª dose da vacina(Imagem: Rede D’Or)

Os estados do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Santa Catarina, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso do Sul e Pernambuco adotaram a antecipação da aplicação da 2ª dose da vacina.

Com isso, a aplicação das vacinas AstraZeneca e Pfizer estão sendo antecipadas de 90 para 60 dias.

Aplicação da 2ª dose da vacina no Rio de Janeiro

Na última segunda-feira (12), o estado do Rio de Janeiro anunciou a antecipação da 2ª dose da vacina contra COVID-19. Dessa maneira, o estado irá aplicar a 2ª dose da vacina AstraZeneca do laboratório Oxford.

Com isso, o estado reduz o intervalo da 1ª dose para a 2ª de 12 para 8 semanas. O motivo que levou a essa decisão é a presença da variante Delta, considerada mais contagiosa, no estado. O anúncio foi feito após acordo com representantes do Cosems (Conselho das Secretarias Municipais de Saúde).

A antecipação do calendário de vacinação será possível porque os municípios possuem estoque disponível da vacina AstraZeneca. Com isso será possível completar o esquema vacinal dos cariocas antes do tempo previsto.

Aplicação da 2ª dose da vacina no Rio Grande do Sul

O Rio Grande do Sul irá antecipar a aplicação da 2ª dose das vacinas AstraZeneca e Pfizer. O estado irá reduzir o intervalo entre as doses de 12 para 10 semanas.

Assim como no Rio de Janeiro, o governo do RS informou que a iniciativa foi gerada pela suspeita de 2 casos da variante Delta na região.

Todos os estados que anteciparam calendário para aplicar a 2ª dose da vacina
Todos os estados que anteciparam calendário para aplicar a 2ª dose da vacina. (Imagem: Sérgio Lima/Poder 360)

Segundo a diretora do Departamento de Atenção Primária e Políticas de Saúde, Ana Costa, diante dessa variante, completar o esquema vacinal é fundamental para conter o seu avanço no estado. O Rio Grande do Sul tem duas suspeitas dessa variante.

Aplicação da 2ª dose da vacina no Distrito Federal

O DF antecipou as vacinas da AstraZeneca/Oxford e Pfizer de 90 para 60 dias. O intuito é atingir o maior número de pessoas com a imunização contra a COVID-19 completa.

As autoridades de saúde do Distrito Federal irão se reunir para definir quais serão os grupos contemplados nessa antecipação.

Por esse motivo, o governo do DF pode que as pessoas não se dirijam aos postos de vacinação em busca da 2ª dose da vacina. A Secretaria de Saúde informa que, assim que tiverem uma definição está será amplamente divulgada.

Antecipação da 2ª dose da vacina em Santa Catarina

O estado catarinense reduziu o intervalo entre as doses da vacina AstraZeneca para 10 semanas. Antes o prazo era de 3 meses, porém isso acontecia porque não havia vacina suficiente.

A 2ª dose da vacina no Espirito Santo

O governo do Espirito Santo recomendou que a 2ª dose da vacina AstraZeneca seja aplicada após 10 semanas. Mesmo assim, a orientação é que os profissionais da saúde anotem na carteirinha de vacinação o prazo de 12 semanas.

Aplicação da 2ª dose no Maranhão

O estado do Maranhão autorizou a aplicação da 2ª dose 8 semanas após a primeira. Porém, essa antecipação só é válida para os municípios que recebem lotes do imunizante com prazo de validade curto.

Antecipação da vacina em Mato Grosso do Sul

Mato Grosso do Sul, a segunda dose da AstraZeneca e Pfizer foi antecipada para 8 semanas. Segundo o secretário municipal de Saúde, José Mauro Filho, o intuito é evitar que a população atrase a sequência vacinal.

Vacinação antecipada em Pernambuco

Em Pernambuco, o governador Paulo Câmara autorizou que os municípios apliquem a 2ª dose da AstraZeneca após 60 dias. Segundo Câmara, essa decisão veio após o Ministério da Saúde antecipar o envio de doses em quase um mês.

O Estado orienta que os municípios elaborem um calendário de vacinação da 2ª dose, conforme o estoque de vacinas. Sendo assim, o preço entre a 1ª e 2ª dose irá variar de uma cidade para a outra. Por exemplo, no Recife, o prazo é de 60 dias.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Todos os estados que anteciparam calendário para aplicar a 2ª dose da vacina

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA