Como vai funcionar o pagamento de parcelas de R$ 300 no SP Acolhe?

O Governo de São Paulo anunciou o pagamento do auxílio SP Acolhe de R$ 300. O benefício faz parte do Bolsa do Povo e é destinado aos parentes de vítimas da COVID-19. O Estado irá investir mais de R$ 20 milhões de recursos próprios.

Como vai funcionar o pagamento de parcelas de R$ 300 no SP Acolhe?
Como vai funcionar o pagamento de parcelas de R$ 300 no SP Acolhe? (Imagem: divulgação/Governo de São Paulo)

Na terça-feira (29), o Governador de São Paulo, João Doria, lançou o novo programa SP Acolhe. O benefício irá oferecer um auxílio mensal de R$ 300 as famílias vulneráveis que perderam um membro familiar por COVID-19.

O SP Acolhe faz parte do Bolsa do Povo que é um programa de proteção social que traz diversos benefícios. Durante o anúncio, Doria afirmou que o seu governo é um governo humanizado que tem como propósito ajudar as pessoas mais humildes.

De acordo com o governo o SP Acolhe é um benefício inédito no Brasil e que irá ajudar essas famílias enlutadas até dezembro deste ano. Para ser contemplado é preciso estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal para programas sociais.

Além disso, é preciso que a família tenha uma renda mensal de até três salários mínimos e que tenha perdido alguma familiar vítima de COVID-19. De acordo com o governo do Estado de São Paulo, o membro pode ser pai, mãe, avô, avó, filho, filha ou outro parente que fazia parte do núcleo familiar.

É considerada família todas as estruturas familiares, exceto a unifamiliar (uma única pessoa), com filhos de todas as idades. O benefício irá contemplar 11.026 famílias que residem no Estado de São Paulo.

O SP Acolhe será de R$ 1.800 divididos em seis parcelas de R$ 300. O seu pagamento acontecerá entre os meses de julho a dezembro deste ano. A medida faz parte das ações adotadas para o enfrentamento dos impactos gerados pela pandemia de Covid-19.

Além do SP Acolhe, o Bolsa do Povo também é composto pelos programas Vale Gás, Renda Cidadã, Via Rápida, Bolsa-Trabalho, Ação Jovem, Bolsa Talento Esportivo e o auxílio-moradia emergencial (Aluguel Social).

O Bolsa do Povo irá pagar benefícios de até R$ 500 e contemplará até 500 mil pessoas. O Portal do Bolsa do Povo já está disponível para acesso e foi desenvolvido pela empresa de tecnologia do Governo do Estado (Prodesp).

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.