Bolsa do Povo em SP libera parcelas de até R$ 2.490,00; saiba quem recebe

Governo de São Paulo consolida programa de transferência de renda para população carente. Diante do cenário de permanência do novo coronavírus, os paulistanos em situação de vulnerabilidade social passarão a ser incluso em uma série de projetos sociais. Intitulados de Bolsa do Povo, o programa funcionará como uma carteira popular. Entenda.

Bolsa do Povo em SP libera parcelas de até R$ 2.490,00; saiba quem recebe (Imagem: Reprodução/Estadão)
Bolsa do Povo em SP libera parcelas de até R$ 2.490,00; saiba quem recebe (Imagem: Reprodução/Estadão)

Além de demais mais de 470 mil vítimas, o novo coronavírus vem impactando fortemente a economia nacional. Para minimizar os impactos na vida do povo em vulnerabilidade, o governo de São Paulo criou o Bolsa do Povo.

Trata-se de um programa que reuniu diversos projetos sociais já existentes na região. Ele funcionará por meio da integração de benefícios como único.

O Bolsa do Povo incorpora vários outros programas de auxílio, como Renda Cidadã, Via Rápida Emprego, Bolsa-Trabalho, Ação Jovem, Bolsa Talento Esportivo e Aluguel Social, sendo aplicadas algumas modificações.

Quem pode participar?

De modo geral, o projeto atua com foco na população carente, ou seja, trabalhadores desempregados, ambulantes e comerciantes que tiveram seus negócios afetados, jovens da rede municipal de ensino e moradores de rua.

O Bolsa do Povo é a integração total dos projetos, porém a inclusão em cada um deles conta com normas específicas. É preciso, unanimemente, residir no estado de São Paulo e ter a comprovação da situação vivenciada.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
OPORTUNIDADE
Novo Cartão de crédito queridinho do Brasil, sem anuidade e que você pode solicitar agora 34.787 pessoas já solicitaram

Valores e inscrições no Bolsa do Povo

Por meio da unificação dos projetos, o programa poderá conceder mensalidades de até 2.490 por família. Para isso, é preciso estar devidamente registrado em cada abono e assim fazer a soma entre eles.

O processo de candidatura vem sendo realizado através de uma triagem feita pelo próprio governo. Todos os interessados devem estar devidamente registrados no Cadastro Único, com os dados atualizados.

Para quem for tentar uma oportunidade de emprego ou realizar um curso profissionalizante, a candidatura vem sendo realizada online, através da página meuemprego.sp.gov.br.

Para mais informações sobre cada uma das ações presentes no Bolsa do Povo acompanhe nossa página exclusiva de benefícios. Por meio dela você consegue monitorar os calendários de pagamentos, abertura de seleções, disponibilidade de ações e mais.

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.