Quem vai receber vacina da COVID-19? Calendário da semana nas principais capitais

Pontos-chave
  • Até o momento, mais de 54 milhões de pessoas já receberam a 1ª dose do imunizante;
  • Desse quantitativo, 23 milhões já completaram toda a etapa recebendo a 2ª dose;
  • Diversos lugares já estão vacinando os profissionais da educação e outros setores considerados essenciais;

A aplicação da vacina da COVID-19 está acontecendo em todo o país. Até o momento, mais de 54 milhões de pessoas já receberam a 1ª dose do imunizante. Desse quantitativo, 23 milhões já completaram toda a etapa recebendo a 2ª dose.

Quem vai receber vacina da COVID-19? Calendário da semana nas principais capitais
Quem vai receber vacina da COVID-19? Calendário da semana nas principais capitais (Imagem: Maksim Goncharenok/Pexels)

Todos os municípios brasileiros estão avançando nas suas campanhas de imunização contra a Covid-19. Diante disso, diversos lugares já estão vacinando os profissionais da educação, segurança e outros setores considerados essenciais.

Aplicação da vacina da COVID-19 em São Paulo

A capital do Estado começou a vacinar os profissionais da educação com 18 a 44 anos desde a sexta-feira (11). Na tarde de ontem (13), o governador João Doria divulgou um novo plano para pessoas sem comorbidades.

O calendário foi antecipado em 1 mês, sendo que todos os paulistas em idade adulta devem receber a 1ª dose da vacina até 15 de setembro.

Além desses grupos, continua a imunização das pessoas com deficiência permanente acima de 18 anos, gestantes e puérperas a partir dos 18 anos sem comorbidades e lactantes acima de 18 anos com comorbidades.

Cronograma de vacinação:

  • 16 a 22 de junho: adultos com idade entre 50 a 59 anos;
  • 23 a 29 de junho: adultos com idade entre 43 a 49 anos;
  • 30 de junho a 14 de julho: adultos com idade entre 40 a 42 anos;
  • 15 de julho a 29 de julho: adultos com idade entre 35 a 39 anos;
  • 30 de julho a 15 de agosto: adultos com idade entre 30 a 34 anos;
  • 16 a 31 de agosto: adultos com idade entre 25 a 29 anos;
  • 1º a 15 de setembro: adultos com idade entre 18 a 24 anos.

Aplicação da vacina da COVID-19 no Rio de Janeiro

Assim como São Paulo, a capital carioca estava imunizando contra a Covid-19 as mulheres grávidas e puérperas acima de 18 anos com comorbidades.

Porém, pela falta dos imunizantes Pfizer e Coronavac foi preciso suspender a campanha para esse grupo.

Quem vai receber vacina da COVID-19? Calendário da semana nas principais capitais
Quem vai receber vacina da COVID-19? Calendário da semana nas principais capitais (Imagem: Shutterstock)

O Ministério da Saúde só permite que as mulheres grávidas e que deram à luz até 45 dias recebem essas vacinas. Por esse motivo, o imunizante Astrazeneca não pode ser utilizado nesse grupo, mesmo havendo unidades.

Na última sexta-feira (11), o município do Rio de Janeiro começou a aplicar a vacina nas pessoas com 54 anos. No turno da manhã está sendo imunizadas as mulheres e no contra turno os homens.

Cronograma:

  • Junho: 55 a 59 anos;
  • Julho: 45 a 54 anos;
  • Agosto: 35 a 44 anos;
  • Agosto: 25 a 34 anos;
  • Outubro: 18 a 24 anos.

No entanto, após João Doria antecipar a previsão de imunização dos adultos acima de 18 anos, o prefeito do Rio de Janeiro respondeu em sua rede social.

(Imagem: Reprodução / Twitter)

Aplicação da vacina da COVID-19 em Belo Horizonte

Atualmente, a capital de Minas Gerais está imunizando cinco grupos:

  • Pessoas de 56, completos até 30 de junho, a 59 anos sem comorbidades;
  • Trabalhadores de limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos entre 18 e 59 anos;
  • Motoristas e cobradores entre 18 e 59 anos;
  • Trabalhadores do transporte metroviário e ferroviário entre 18 e 59 anos;
  • Caminhoneiros entre 18 e 59 anos completos até 30 de junho.

Aplicação da vacina da COVID-19 em Recife

Na última quinta-feira (10), a capital pernambucana iniciou a vacinação das pessoas a partir dos 43 anos sem comorbidades. A campanha funciona todos os dias, das 7h30 às 18h30, e conta com 20 pontos de imunização.

Aplicação da vacina da COVID-19 em Salvador

Em Salvador as pessoas a partir dos 51 anos já estão recebendo a dose contra a Covid-19. Além desse grupo, a capital da Bahia também está aplicando a dose nos caminhoneiros com carteira da categoria D podem tomar a vacina. Neste momento, a prioridade são os profissionais de 40 anos ou mais.

Aplicação da vacina da COVID-19 em Maceió

Em Maceió, a prefeitura passou a aplicara a vacina nas pessoas de 52 anos sem comorbidades desde a última sexta-feira (11). A aplicação das doses está acontecendo em oito pontos, sendo quatro drive-thrus. A vacina pode ser recebida a partir das 9h até às 16h nos pontos fixos e até às 21h nos drive-thrus.

Aplicação da vacina da COVID-19 em Manaus

Nesta segunda-feira (14), a capital está vacinando as pessoas com 51 anos, nascidas entre janeiro e junho. Amanhã (15) será a vez de serem imunizados com a primeira dose os nascidos entre julho e dezembro.

A prefeitura planeja continuar a vacinação na população entre 50 a 52 anos durante a semana. Sendo assim, na próxima quarta-feira (16), será imunizado quem tem 50 anos, nascidos entre janeiro e junho. Para finalizar esse grupo na quinta-feira (17) receberá a dose os nascidos entre julho e dezembro.

A prefeitura de Manaus pede que esse grupo realize o cadastro no sistema Imuniza Manaus. Esse serve para agilizar o atendimento e diminuir o tempo de permanência nos locais de vacinação. Com isso, diminui a chance de contrair a Covid-19 ou de repassar para os demais.

Para comprovar o direito ao recebimento da dose assim como a identidade é preciso apresentar, no dia da vacinação, documento de identificação original, com foto, CPF e comprovante de residência (original e cópia). O comprovante de residência deve confirmar que o cidadão reside em Manaus.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Quem vai receber vacina da COVID-19? Calendário da semana nas principais capitais

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA