Meu INSS faz agendamento online para atendimento nas agências; veja como

O aplicativo e site do Meu INSS permite que os segurados realizem o agendamento para atendimento presencial, podendo marcar dia e horário. Para isso, basta que o segurado tenha o cadastro ou o realize.

Meu INSS autoriza agendamento online para serviços das agências; veja como fazer
Meu INSS faz agendamento online para atendimento nas agências; veja como (Imagem: Google)

Os segurados que precisam de um atendimento presencial em uma das agências do INSS devem realizar o agendamento pelo portal Meu INSS. Também há a possibilidade de fazer o agendamento pelo telefone 135, disponível de segunda a sábado, de 7h às 22h.

A plataforma Meu INSS está disponível no site e no aplicativo. Essa ferramenta possui 90 serviços que podem ser feitos de forma online, ou seja, sem precisar comparecer a uma agência do Instituto Nacional do Seguro Social.

Como se cadastrar no Meu INSS?

Para o cadastro é necessário informar o CPF, nome completo, data de nascimento e responder algumas perguntas do seu cadastro junto ao INSS. Após essa etapa basta realizar o login na plataforma. Veja abaixo o passo a passo:

  • Acesse o site ou o aplicativo do Meu INSS;
  • Clique em “Crie sua conta Gov.br”;
  • Selecione uma das opções de cadastro disponíveis;
  • Preencha os campos com as informações de cadastro solicitadas;
  • Crie uma senha pessoal segura;
  • Confirme os dados pessoais.

Serviços disponíveis no Meu INSS

  • Agendamentos e solicitações;
  • Agendar perícia;
  • Emitir Guia de Pagamentos (GPS);
  • Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT);
  • Calendário de Pagamento;
  • Encontre uma Agência;
  • Verificar Autenticidade de Documentos;
  • Simulador de aposentadoria;
  • Salário maternidade;
  • Pensão por morte;
  • Auxílio-doença;
  • Seguro Desemprego do Pescador Artesanal;
  • Benefícios Assistenciais;
  • Certidão de tempo de contribuição;
  • Alterar local ou forma de pagamento;
  • Cadastrar ou renovar procuração ou representante legal;
  • Solicitar pagamento de benefício não recebido;
  • Acompanhamento do andamento de benefício e serviços;
  • Recurso e revisão;
  • Extrato do imposto de renda;
  • Extrato de pagamento de benefícios;
  • Extrato de Contribuição CNIS (Cadastro Nacional de Informações Sociais);
  • Extrato de empréstimos consignados;
  • Declaração de Benefício do INSS;
  • Resultado de Benefício por Incapacidade;
  • Carta de Concessão;
  • Declaração de Contribuinte Individual (DRSCI).

Outra vantagem é que os segurados podem enviar documentos digitalizados, ou seja, escaneados ou fotografados através da Câmera do celular. Com isso, todo o processo pode ser realizado de forma online, sem precisar comparecer a uma unidade do Instituto.

Glaucia AlvesGlaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 7 anos. Esse ano começou a trabalhar como redatora e como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR e realiza consultoria de redação on-line.