Autorizada CNH Social para moradores de Goiás; veja como se inscrever

O governo de Goiás anunciou a abertura de mais de 3 mil vagas para o programa CNH Social, que oferece para a população com baixa renda a possibilidade de ter, adicionar ou mudar sua categoria da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Isso, de forma gratuita para os moradores do Estado.

Autorizada CNH Social para moradores de Goiás; veja como se inscrever
Autorizada CNH Social para moradores de Goiás; veja como se inscrever (Imagem: Google)

As inscrições estão abertas no site do Detran. Essa é a terceira etapa do programa, que já disponibilizou mais de 6 mil CNHs desde 2019, de acordo com o governo.

As vagas são destinadas para a modalidade estudantil, rural e urbana. A iniciativa proporciona aos selecionados a obtenção gratuita da primeira CNH, categorias A ou B, a adição das categorias A ou B ou a mudança de B para D.

Quem pode se inscrever na CNH Social?

  • Modalidade estudantil

Os candidatos devem ser estudantes entre 18 e 25 anos, estar com cadastro ativo no CadÚnico, ter cursado e concluído o ensino médio na rede pública estadual. Além disso, um critério de desempate será a nota média apurada pela Secretaria de Educação do Estado de Goiás.

  • Modalidade urbana

É preciso que o candidato saiba ler e escrever, estar inscrito no CadÚnico e morar na cidade.

  • Modalidade rural

Os candidatos precisam morar na zona rural, estar inscrito no CadÚnico, saber ler e escrever.

Os candidatos não devem ter praticado nenhuma infração de trânsito de natureza grave ou gravíssima e não ser reincidente em infração média, nos últimos 12 meses, que antecederam a inscrição 

Quais os benefícios?

Os selecionados pelo governo vão poder tirar a Carteira Nacional de Habilitação sem pagar nenhum custo.

O programa isenta o candidato das taxas do Detran-Go, como a inclusão no Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach), Licença de Aprendizagem de Direção Veicular e agendamentos de provas teórica e de exame prático.

Além disso, os participantes estão isentos dos pagamentos de exames médico e psicológico, junta médica quando se tratar de candidato com deficiência e toxicológico exigido para categoria profissional. 

As parcerias permitem que sejam oferecidos ainda o curso teórico, de legislação de trânsito, as aulas práticas de direção e até três retestes.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.