CNH Social vai oferecer 3 MIL vagas pra habilitação gratuita no Detran-GO

Nova chamada em aberto para a CNH Social em Goiás. Nessa semana, o governo estadual informou que estará selecionando 3 mil cidadãos para participar do programa de habilitação gratuita. Os interessados deverão se cadastrar pela internet, atendendo aos critérios exibidos abaixo.

CNH Social vai oferecer 3 MIL vagas pra habilitação gratuita no Detran-GO (Imagem: Google)
CNH Social vai oferecer 3 MIL vagas pra habilitação gratuita no Detran-GO (Imagem: Google)

Mesmo com a pandemia do novo coronavírus, o Detran de Goiás estará realizando uma nova seleção para a inclusão na CNH Social.

Nessa edição, serão concedidas 3 mil vagas para os motoristas que desejarem tirar a carteira de habilitação nas categorias A ou B, a adição das categorias A ou B ou a mudança de B para D.

Como se candidatar na CNH Social

As informações de candidatura e cadastro ficarão disponíveis no site do Detran, a partir desta terça-feira (16). Entre os informes, serão solicitados documentos de identificação social, comprovante de renda e residência. Ao todo, a seleção contará com as seguintes 3 modalidades, sendo elas:

  • Estudantil: os estudantes devem ter entre 18 e 25 anos, estar com cadastro ativo no CadÚnico, ter cursado e concluído o ensino médio na rede pública estadual. Para esta modalidade, um dos critérios de desempate será a nota média apurada pela Secretaria de Educação do Estado de Goiás.
  • Modalidade urbana: é preciso saber ler e escrever, ser inscrito no CadÚnico e morar em cidade.
  • Modalidade rural: é preciso morar na zona rural, estar inscrito no CadÚnico e saber ler e escrever.

Além disso é importante ressaltar que os candidatos não tenham tentado participar do projeto nos últimos 12 meses e não apresentem nenhum histórico de infração de trânsito.

Benefícios

Aqueles selecionados terão o direito de tirar a Carteira Nacional de Habilitação de forma 100% gratuita.

Isso implica dizer que o Detran não cobrará ainda pelo Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach), Licença de Aprendizagem de Direção Veicular e agendamentos de provas teórica e de exame prático.

No que diz respeito aos exames médicos e psicológicos, serão realizados em parceria com os servidores do Detran sem a aquisição de taxas.

Por fim, o cidadão terá ainda o direito de fazer o curso teórico, de legislação de trânsito, as aulas práticas de direção e até três retestes.

Eduarda AndradeEduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.