IBGE vai te ligar! Veja quando solicitações de informação NÃO são golpes

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) lançou uma campanha para que a população responda, por telefone, à Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua). Por conta da pandemia de covid-19, o instituto tem optado por evitar as entrevistas presenciais.

IBGE vai te ligar! Veja quando solicitação de informação não são golpes
IBGE vai te ligar! Veja quando solicitação de informação não são golpes (Imagem: Karolina Grabowska/Pexels)

A decisão do IBGE em realizar a entrevista por telefone foi tomada para garantir a segurança dos informantes e entrevistadores. Apesar dessa nova forma de coletar informações, o instituto revela que tem dificuldade para conseguir entrar em contato com os domicílios selecionados.

Para isso, o IBGE está enviando cartas — por Correios ou portador — e telegramas aos informantes para solicitar que essas pessoas entrem em contato com o instituto e forneçam o número atualizado.

No momento em que um entrevistador entrar em contato, o informante poderá solicitar o número o RG, CPF ou da matrícula do agente, de forma a confirmar a identidade do profissional pelo portal Respondendo ao IBGE e também pelo telefone 0800 721 8181.

Por conta da insegurança de algumas pessoas em passar informação por telefone, o coordenador estadual da pesquisa em Minas Gerais, Gustavo Geaquinto, explica que os servidores são orientados a explicar sobre o sigilo das informações.

Além disso, os servidores indicam as formas que o informante possui na verificação da identidade do entrevistador junto ao IBGE. Dessa forma, a população poderá garantir que o profissional realmente trabalha para o IBGE e não é um golpe.

O coordenador alega que o índice teve queda nos percentuais de resposta por conta da abordagem por telefone. Enquanto a pesquisa era realizada por telefone, o índice de aproveitamento era por volta de 90%. Com o uso do telefone, o número caiu para 60% em média.

A PNAD Contínua do IBGE

A PNAD Contínua é uma pesquisa domiciliar que divulga informações para promover o desenvolvimento socioeconômico do Brasil. O instituto realiza uma investigação contínua dos indicadores conjunturais de trabalho e rendimento.

A coleta acontece de forma trimestral. Cada domicílio selecionado na amostra é entrevistado uma vez a cada trimestre, durante cinco meses consecutivos.

A rede de coleta da pesquisa conta com cerca de dois mil pesquisadores. Estes profissionais trabalham em aproximadamente 70 mil domicílios por mês em todas as unidades da federação.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.