Carteira de Trabalho: Veja COMO emitir versão impressa e digital

Pontos-chave
  • O documento foi criado pelo decreto-lei n.º 926, de 10 de outubro de 1969;
  • A carteira serve para registrar os serviços prestados pelo trabalhador durante toda a sua vida profissional;
  • A Carteira pode ser solicitada a partir dos 14 anos;
  • A versão impressa pode ser feita nos postos de atendimento credenciados pelo Ministério do Trabalho e Emprego;
  • A versão digital da Carteira de Trabalho está em funcionamento, desde 2019 e tem como intuito substituir a versão impressa, de forma gradual.

A Carteira de Trabalho é o documento que registra a vida profissional do trabalhador e garante os direitos trabalhistas previstos em lei. A azulzinha agora possui uma versão digital que veio para substituir a emissão impressa. Veja mais informações sobre a novidade neste post, e saiba todos os serviços disponíveis.

Carteira de Trabalho: Veja COMO emitir versão impressa e digital
Carteira de Trabalho: Veja COMO emitir versão impressa e digital (Imagem: Reprodução/Google)

A Carteira de Trabalho é um documento obrigatório para todo cidadão que presta algum serviço de forma remunerada, seja ela a indústria, no comércio, na agricultura, na pecuária ou mesmo de natureza doméstica.

Dessa maneira, no documento serão registradas a data de início do contrato, assim como o término, carga horária semanal, salário recebido e férias, por exemplo.

Esse registro serve para regulamentar os trabalhos prestados e garantir a contribuição para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

O documento foi criado pelo decreto-lei n.º 926, de 10 de outubro de 1969 e serve para registrar os serviços prestados pelo trabalhador durante toda a sua vida profissional. Dessa maneira, garante o acesso aos benefícios, como:

Como emitir a carteira de trabalho impressa

A Carteira pode ser solicitada a partir dos 14 anos e a versão impressa pode ser feita nos postos de atendimento credenciados pelo Ministério do Trabalho e Emprego, Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego ou subdelegacias do trabalho.

A emissão é gratuita, sendo necessário levar duas fotos 3×4 recentes, com fundo branco, comprovante de residência, CPF e documento de identificação. O documento serve para indicar as relações empregatícias e o tempo de duração de cada contrato.

Carteira de trabalho digital

A versão digital da Carteira de Trabalho está em funcionamento desde 2019 e tem como intuito substituir a versão impressa, de forma gradual. Além disso, foi desenvolvida para facilitar o acesso aos assuntos ligados as Leis do Trabalho, sem precisar sair de casa.

Esse é um serviço criado pelo Ministério da Economia e ganhou mais força durante o período de pandemia vivenciada desde meados de 2020. Isso porque, com a quarentena e com os postos de atendimento sem atendimento presencial, o jeito foi resolver tudo de forma online.

Carteira de Trabalho: Veja COMO emitir versão impressa e digital
Carteira de Trabalho: Veja COMO emitir versão impressa e digital (Imagem: Reprodução/Google)

A plataforma digital está disponível no formato de aplicativo que pode ser acessado gratuitamente por meio de aparelhos eletrônicos, como smartphones e tabletes que possuam o sistema Android ou iOS.

Na versão digital da Carteira de Trabalho é possível conferir as contribuições do FGTS, o histórico trabalhista, os valores do abono salarial PIS (precisando informar o tempo de trabalho), solicitar o seguro desemprego e muitos outros serviços, totalmente online.

Além de tudo isso, ainda há informações sobre o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEm), como valores e prazos de pagamentos. Para mais informações ou dúvidas sobre a Carteira de Trabalho Digital, entre em contato com a Central de Atendimento pelo telefone 158.

Como emitir a carteira de trabalho digital

A primeira coisa a fazer é baixar o aplicativo no aparelho que deseja usar. Em seguida, será necessário gerar o login de acesso para conseguir usar os serviços digitais, por meio do CPF e da criação de uma senha de acesso.

A plataforma irá solicitar a confirmação dos dados da Carteira de Trabalho e da Previdência Social. Dessa maneira, basta selecionar a função ‘continuar’ e preencher o formulário apresentado na tela do seu aparelho.

Será necessário informar a data de nascimento, nome, e-mail, celular e o nome do país, finalizando essa etapa, basta validar o registo respondendo cinco perguntas, com o intuito de confirmar a identidade do titular do documento.

Após essa etapa, basta aguardar a validação das informações apresentadas. Depois, como meio de segurança, será necessário fazer uma leitura do QR Code para comprovar a autenticidade dos dados.

Por último, basta ler e concordar com a política de privacidade do aplicativo e acessar o manual de utilização. Pronto, após todas essas etapas, que servem para a segurança do trabalhador, será possível usufruir de todos os serviços.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.