Cartão SUS será necessário para tomar vacina da Covid-19? Veja como baixar

Nas últimas 24h, parte significativa da imprensa brasileira vem apresentando a realidade da Amazonas. Com centenas de pessoas morrendo por falta de oxigênio, a região está em estado total de calamidade. Na contrapartida, muitas dúvidas surgem quanto a vacina, como por exemplo se é preciso apresentar o cartão SUS. Abaixo, entenda sobre a obrigatoriedade do documento digital.

Cartão SUS será necessário para tomar vacina da Covid-19? Veja como baixar (Imagem: Google)
Cartão SUS será necessário para tomar vacina da Covid-19? Veja como baixar (Imagem: Google)

O Cartão SUS, inicialmente em versão impressa, agora pode ser também acessado pela internet. Através do Aplicativo do Sistema Único de Saúde a população consegue ter acesso aos serviços hospitalares, entre eles, as informações sobre a vacina contra o novo coronavírus.

A versão digital do Cartão SUS vem sendo utilizado como um meio de agilizar os processos de agendamento médico e exames. Além disso, por meio dele é possível repassar informações como pressão sanguínea, a evolução das taxas de glicemia, entre outras informações.

O Cartão SUS é obrigatório para a vacina do covid-19?

No que diz respeito a sua obrigatoriedade para tomar a vacina é preciso ficar atento. Há muitas noticias afirmando que o cidadão só poderá ser medicado caso apresente o registro no aplicativo, porém essa informação é falsa.

De acordo com os últimos informes concedidos pelo governo, a população poderá ser reconhecida na campanha de vacinação independentemente de estar registrada no Cartão SUS. Para poder ser medicado basta apresentar o número do CPF, carteira de vacina ou outro documento de identificação pessoal.

A plataforma servirá apenas como um meio de agilizar o registro daqueles que já estiverem vinculados a ela. Porém, não apresenta um caráter obrigatório.

Como baixar o cartão SUS?

O processo de instalação é simples. Basta ir até a loja de aplicativos do seu celular e digitar ‘Cartão SUS’. Feito isso, baixe a ferramenta no seu aparelho e na sequencia crie seu cadastro.

Nessa etapa, basta informar o nome completo, número do CPF e demais registros para poder fazer a conta.

A validação acontece de forma automática e são solicita a presença em até um posto do SUS. Com o app no celular, quando as vacinas ficarem disponíveis o cidadão poderá agendar o dia horário em que deseja ser medicado.

Eduarda AndradeEduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.