Receita Federal inicia nesta terça (22) período de consultas ao lote residual do IR

Nesta terça-feira (22), a Receita Federal vai abrir as consultas para mais um lote residual do Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF). Esses lotes são dos contribuintes que caíram na malha fina do Imposto de Renda, mas depois fizeram a regularização das suas pendências com a Receita Federal.

Receita Federal inicia nesta terça (22) período de consultas ao lote residual do IR
Receita Federal inicia nesta terça (22) período de consultas ao lote residual do IR (Foto: Google)

Essas consultas podem ser feitas por meio do site da Receita ou pelo telefone 146.

Além disso, está disponível um aplicativo que pode ser acessado por tablets e smartphones para realizar consultas das informações sobre a restituição e a sua situação cadastral do CPF.

São cerca de 202.388 contribuintes que vão receber R$354 milhões até o dia 30 de dezembro

Deste valor, R$135,76 milhões são referentes aos contribuintes prioritários no recebimento dos pagamentos dos lotes residuais. 

O pagamento é feito diretamente na conta que foi indicada pelo contribuinte no momento do preenchimento da declaração.

Quem é o grupo prioritário para receber último lote da Receita Federal?

Os grupos prioritários que receberão o lote residual são: idosos acima de 80 anos, contribuintes entre 60 e 79 anos, pessoas com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e aqueles cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Malha Fina do IR

No mês de setembro, a Receita Federal informou que cerca de 910 mil declarações foram retidas na malha fina do Imposto de Renda no ano de 2020, por conta das inconsistências nas informações que foram fornecidas para o órgão.

A omissão dos rendimentos, nos últimos anos, foi um dos principais motivos para os contribuintes caírem na malha fina. Depois disso, o segundo motivo são as inconsistências na declaração de despesas médicas.

Os contribuintes que desejam consultar se estão na malha fina, podem acessar o “extrato” do Imposto de Renda no site da Receita Federal no chamado e-CAC (Centro Virtual de Atendimento).

Para ter acesso ao extrato é preciso que o contribuinte utilize o código de acesso que é gerado na própria página da Receita, ou o certificado digital que é emitido por uma autoridade habilitada.

Depois de consultar as inconsequências que foram encontradas pela Receita na declaração, deve ser enviada uma declaração retificadora pelos contribuintes.

Ao ser resolvida, o contribuinte saí da malha fina e se tiver direito, a restituição vai ser colocada nos lotes residuais do IR.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Receita Federal inicia nesta terça (22) período de consultas ao lote residual do IR

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA