Shoppings criam horário ESPECIAL de funcionamento para compras de Natal e Ano Novo

Pontos-chave
  • Devido as compras de fim de ano, os horários foram estendidos nos centros de compras;
  • No Rio, os shoppings abrem 24h;
  • Em Recife os shoppings podem abrir até a meia noite.

Devido o avanço da pandemia do coronavírus em todo o país, os horários do comércio tiveram que ser novamente alterados. Em São Paulo, os shoppings terão os horários ampliados, no Rio eles funcionarão 24 horas, entre outras mudanças. Confira o que ficou decidido em algumas capitais do país.

Shoppings criam horário ESPECIAL de funcionamento para compras de Natal e Ano Novo
Shoppings criam horário ESPECIAL de funcionamento para compras de Natal e Ano Novo (Imagem Google)

Funcionamento de shoppings em São Paulo

Em São Paulo, os shoppings recentemente tiveram o horário de atendimento reduzido devido a volta para a fase amarela.

Porém para evitar aglomerações nas compras de natal, o atendimento foi novamente estendido para 12 horas diárias.

As novas determinações foram comunicadas em coletiva de imprensa realizada na última semana pelo secretário de Saúde, Jean Gorinchteyn.

Elas estão vigorando desde o último sábado (12) e ficam válidas durante 30 dias, podendo ser prorrogadas.

“Nós vimos que era muito importante realizar um ajuste na fase amarela para expansão do funcionamento do comércio de 10 para 12 horas, mantendo a capacidade de 40%. Foi uma decisão técnica entre saúde e comércio para que possamos atender a necessidade de maior espaçamento entre as pessoas, evitar aglomerações, para que todos possam ter suas necessidades agora do fim do ano atendidas, mas com responsabilidade, com segurança”, explicou a secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen.

Rio de Janeiro

Já no Rio de Janeiro, o prefeito Marcelo Crivella anunciou que os shoppings vão funcionar 24 horas por dia para que as aglomerações sejam evitadas neste fim de ano. Com isso, as orientações de restrição em meio ao novo avanço do coronavírus são ignoradas.

“Os shoppings e centros comerciais serão autorizados a funcionar 24 horas por dia para que a população não precise correr e com isso a sobrecarga do transporte público diminui, disse o prefeito Marcelo Crivella, em uma entrevista coletiva na última sexta.

Os novos horários vão vigorar ao longo do mês de dezembro, assinalou o prefeito no Twitter. O governador interino, Cláudio Castro, anunciou que a mesma medida será válida para todo o estado.

Recife

Os shoppings do Grande Recife alteraram o horário de atendimento após o governo estadual autorizar que os centros de compras ampliem seus horários habituais. A decisão novamente é para evitar aglomerações e controlar a pandemia do coronavírus.

O governo estadual disse que os shoppings e o comércio de rua podem operar das 9h à meia noite.

Confira os horários de dois shoppings da Grande Recife

Patteo Olinda

  • 12 a 18 de dezembro: abertura facultativa às 9h; todas operações abertas das 10h às 22h
  • 19 e 23 de dezembro: 10h às 23h de segunda a sábado; 10h às 22h no domingo
    24 de dezembro: 10h às 18h
  • 25 de dezembro e 1º de janeiro: lojas fechadas
  • 31 de dezembro: 10h às 18h

Shopping Guararapes

  • 14 a 23 de dezembro: 9h às 23h
  • 24 de dezembro: 10h às 19h
  • 25 de dezembro e 1º de janeiro: lojas fechadas
  • 26 a 30 de dezembro: 10h às 22h de segunda a sábado e 12h às 21h domingo
  • 31 de dezembro: 10h às 18h
Compras de fim de ano (Imagem: Google)

Porto Alegre

Em Porto Alegre, a prefeitura confirmou na última quarta-feira, 2, a divulgação de um novo decreto que altera os horários de funcionamento dos shoppings e comércio de rua.

O comércio de rua e os shoppings terão horário ampliado, podendo atender o público das 6h às 20h. Até então, o horário de funcionamento era das 12h às 22h, para os shoppings centers, e das 9h às 19h, para o comércio, prestação de serviços e centros comerciais.

Cuiabá

Por fim em Cuiabá, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) comunicou na última terça, 01, que em decorrência das compras de fim de ano, o comércio e shoppings vão funcionar em horário diferenciado.

Nos últimos dias do ano, os centros de compras vão abrir até às 22h e em dias determinados até às 23h.

Paulo AmorimPaulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.