Comércios de São Paulo ganham horário MAIOR de funcionamento no fim de ano

Com nova alta da covid-19, governo de São Paulo anuncia mudanças no horário de funcionamento do comércio neste fim de ano. Mesmo retomando para a fase amarela de contaminação, o gestor João Doria informou que estará ampliando o tempo de vendas em shoppings e no comércio em geral. Contrapartida, bares e restaurantes ficarão mais restritos.

Comércios de São Paulo ganham horário MAIOR de funcionamento no fim de ano (Imagem: Google)
Comércios de São Paulo ganham horário MAIOR de funcionamento no fim de ano (Imagem: Google)

As festas de fim de ano estão cada vez mais próximas e com isso os governos vem enfrentando a missão de garantir a circulação do comércio em tempos de covid-19.

No estado de São Paulo, shoppings e demais estabelecimentos de venda ganharam mais duas horas de funcionamento. Desde esse sábado (12), os setores passaram a operar por 12 horas.

No entanto, para quem é da área de alimentação e bebida, as noticias não são tão positivas. O governador decretou que todos os estabelecimentos desse segmento só poderão funcionar até às 20h.

Além disso, será feita uma manutenção de 8.500 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) voltados à covid-19, tendo em vista o acréscimo registrado no início de dezembro.

Prefeituras podem variar suas regras

Apesar do decreto ter sido feito pelo governador, o mesmo esclareceu que caberá as prefeituras abraçar as medidas ou não. Ele explicou que os gestores municipais terão a possibilidade de elaborar o próprio plano de contenção da doença, desde que atenda aos requisitos impostos pelo MP-SP (Ministério Público do Estado de São Paulo), ficando sujeitos a pagar multas.

“O estado promoverá apoio e ampliação da fiscalização com mil agentes nas mais de cem municipalidades que têm densidade demográfica superior a 70 mil habitantes. As medidas terão a duração de 30 dias, prorrogáveis de acordo com os índices da pandemia”, explicou o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn.

Regras com novos horários de funcionamento em SP

COMÉRCIO E SHOPPING

Funcionamento por 12 horas
Fechamento às 22h
Capacidade máxima de 40%
Obrigatoriedade do respeito aos protocolos sanitários

BARES E RESTAURANTES

Funcionamento até as 22h para restaurantes e 20h para bares
Venda de bebida alcóolica só até as 20h
Medida também vale para lojas de conveniência
Serviço apenas para pessoas sentadas
Mesas com até seis pessoas
Capacidade máxima de 40%
Obrigatoriedade do respeito aos protocolos sanitários

Observação: as medidas, implementadas nesse sábado (12), serão válidas durante os próximos 30 dias.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Eduarda AndradeEduarda Andrade
Mestre em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Atualmente se divide entre a edição do Portal FDR e a sala de aula. - Como jornalista, trabalha com foco na produção e edição de notícias relacionadas às políticas públicas sociais. Começou no FDR há três anos, ainda durante a graduação, no papel de redatora. Com o passar dos anos, foi se qualificando de modo que chegasse à edição. Atualmente é também responsável pela produção de entrevistas exclusivas que objetivam esclarecer dúvidas sobre direitos e benefícios do povo brasileiro. - Além do FDR, já trabalhou como coordenadora em assessoria de comunicação e também como assessora. Na sua cartela de clientes estavam marcas como o Grupo Pão de Açúcar, Assaí, Heineken, Colégio Motivo, shoppings da Região Metropolitana do Recife, entre outros. Possuí experiência em assessoria pública, sendo estagiária da Agência de Desenvolvimento Econômico do Estado de Pernambuco durante um ano. Foi repórter do jornal Diário de Pernambuco e passou por demais estágios trabalhando com redes sociais, cobertura de eventos e mais. - Na universidade, desenvolve pesquisas conectadas às temáticas sociais. No mestrado, trabalhou com a Análise Crítica do Discurso observando o funcionamento do parque urbano tecnológico Porto Digital enquanto uma política pública social no Bairro do Recife (PE). Atualmente compõe o corpo docente da Faculdade Santa Helena e dedica-se aos estudos da ACD juntamente com o grupo Center Of Discourse, fundado pelo professor Teun Van Dijk.