Taxa de juro do rotativo do cartão de crédito sofre queda de 0,3 ponto porcentual em setembro

Nesta segunda-feira (26), o Banco Central divulgou dados sobre o crédito no país durante o mês de setembro. A análise mostrou que a taxa de juro do cartão de crédito rotativo registrou queda no mês. Em agosto, os juros bancários para s pessoas físicas estava em 310,2% ao ano. Em setembro, o número foi de 309,9% ao ano — o que representa recuo de 0,3 ponto percentual.

publicidade
Em setembro, taxa de juro do rotativo do cartão de crédito sofre queda de 0,3 ponto porcentual
Em setembro, taxa de juro do rotativo do cartão de crédito sofre queda de 0,3 ponto porcentual (Imagem: Kay/Unsplash)

Esta forma de pagamento, pelo crédito rotativo, é utilizada quando o devedor não possui a quantia no dia do vencimento. Dessa maneira, a pessoa paga um valor mínimo para não ficar inadimplente.

Apesar de poder dar um tempo extra para o pagamento, a linha de crédito tem um dos valores mais altos para o consumidor. Com relação à taxa da modalidade rotativo regular, quando o pagamento mínimo é feito, a margem teve queda de 270,3% para 268,6% ao ano.

publicidade

Já no caso da modalidade rotativo não regular, quando não foi pago o valor mínimo da fatura, houve alta de 335,2% para 336,8% ao ano. Para o parcelado, o crescimento passou de 137,8% para 142,1% ao ano. O juro total do cartão de crédito, por sua vez, registrou queda, de 65,1% para 62,3%.

O uso do rotativo

Por conta da situação atual, em que a pandemia limitou diversas atividades, houve grande quantidade de pessoas solicitando crédito para poder seguir tendo condições de pagar as despesas. Uma dos fatores para a aquisição das linhas de crédito nos bancos foi o crescimento do desemprego.

No entanto, o uso não é recomendado caso a pessoa tenha condições de pagar as faturas mensais. Por conta do alto valor de juros, a quantidade a ser paga futuramente pode se tornar inviável no longo prazo.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Como forma de evitar a inadimplência, o governo introduziu uma regra que torna o pagamento do rotativo do cartão de crédito para a modalidade parcelada, um mês após a dívida. Sendo assim, a pessoa passaria a pagar um valor de juros menor.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.