Cadastro Positivo: Como funciona? Entenda tudo sobre o cadastro de bons pagadores

Desde o início deste ano, instituições financeiras podem contar com o Cadastro Positivo para conferir o histórico de tomada de crédito e pagamento do consumidor. Esse formato permite maior acesso à informações, que ajudarão bancos, comerciantes e prestadores de serviços a tomarem a decisão de disponibilizar crédito aos interessados. Entenda tudo sobre.

Conheça mais detalhes sobre o cadastro de bons pagadores, o Cadastro Positivo
Conheça mais detalhes sobre o cadastro de bons pagadores, o Cadastro Positivo (Imagem: Erick Pinheiro)

Por meio do sistema, o credor saberá o score de crédito, a situação de adimplência, comportamento de castos, índice de pontualidade de pagamento do consumidor que possui CPF, entre outros.

Em geral, as instituições contratam birôs de crédito para realizarem essas consultas e identificarem mais detalhes dos candidatos.

Com o Cadastro Positivo, será possível ter conhecimento do histórico de compras do consumidor, de forma a estabelecer a avaliação de score. Com isso, a empresa poderá determinar as condições de crédito para cada caso. Quanto maior o score, melhor a situação de pendencias da pessoa.

Além disso, o consumidor também poderá ter informações da instituição que consulta os seus dados. Esta é uma forma de a pessoa interessada ter o perfil analisado e obter crédito. Caso seja considerado um bom pagador, terá mais facilidade em ser aprovado e poder realizar compras e financiamentos.

Fatores que influenciam na avaliação

A classificação para determinar a situação do consumidor depende de alguns fatores. Em geral, o pagamento das dívidas em dia faz com que a pontuação aumente. Por outro lado, o atraso ou não pagamento torna o score menor.

Outros pontos avaliados são o tempo de trabalho, a idade da pessoa e o número de créditos solicitados. Estar com o nome limpo possibilita a alta dos pontos.

Consulta do cadastro

O interessado poderá decidir por uma das empresas disponíveis, que são o SPC Brasil, Serasa Experian, Boa Vista SCPC e Quod. Ao entrar o site, basta clicar na opção “cadastro positivo”.

Em seguida, o sistema solicitará alguns dados, como o nome, CPF e data de nascimento. Por fim, a pessoa deverá criar uma senha de identificação e, dessa forma, poderá ter acesso ao cadastro.

Por conta de não de não ser obrigatória disponibilização das informações, a pessoa poderá solicitar a qualquer momento a saída do Cadastro Positivo. Para isso, deverá ser feito o cadastro e, logo após, selecionar a opção de cancelamento.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.