Detran-SP: Último dia para participar do mutirão de reciclagem da CNH

Entre 06 e 08 de outubro, o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) vai realizar prova presencial teórica para cerca de 2,5 mil motoristas realizarem cursos de reciclagem neste período da pandemia.

Detran-SP: Último dia para participar do mutirão de reciclagem da CNH
Detran-SP: Último dia para participar do mutirão de reciclagem da CNH (Foto: Ciete Silvério/A2img.)

Os condutores aguardavam o retorno do atendimento presencial para realizar a avaliação e conclusão do processo de reeducação.

A determinação do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o teste só poderá ser aplicado nos locais determinados, sendo proibidas na modalidade online.

Um dos pontos será a FATEC do Bom Retiro, localizada na região central da capital paulista, que vai receber os motoristas divididos em 23 salas.

Os participantes foram agrupados em três dias e três turnos diferentes, para que assim possam obedecer o limite de 40% de ocupação da unidade de ensino para evitar a possibilidade de contágio e transmissão do novo coronavírus.

As provas começaram às 9 horas no primeiro turno, o segundo começará às 11 horas e 30 minutos e o último será na parte da tarde começando às 15 horas.

Suspensão da CNH

Os motoristas que ultrapassam os 20 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) dentro de um ano terão a carteira suspensa pelo período de um ano. 

Caso as infrações sejam consideradas suspensivas diretas como são as de participar de racha ou dirigir embriagado, a carteira é suspensa independente do número de pontos que o motorista possui.

A primeira suspensão dura um período de 6 meses e se o condutor voltar a cometer a mesma infração a suspensão passa a ser de 8 meses podendo chegar até 2 anos.

Se o motorista quiser voltar a dirigir, deve cumprir o tempo de impedimento de dirigir e depois fazer o curso de reciclagem e ser aprovado na avaliação teórica.

Mudança nas regras

O presidente Jair Bolsonaro, pode sancionar o projeto de lei 3267/19 que prevê algumas modificação no código de trânsito brasileiro, no qual há um aumento no limite do número de pontos para que sejam suspenso o direito de dirigir.

De acordo com o projeto, as novas regras serão:

  • 20 pontos, se na pontuação constar duas ou mais infrações gravíssimas;
  • 30 pontos, se na pontuação constar uma infração gravíssima;
  • 40 pontos, se na pontuação não constar nenhuma infração gravíssima.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.