Detran-PR publica decreto autorizando retorno de cursos de capacitação

O Detran-PR autorizou as aulas presenciais para cursos especializados no estado, como o de transporte de cargas perigosas, de passageiros, de emergência e cargas individualizadas. O anúncio foi feito na última segunda-feira (28).

publicidade
Detran-PR publica decreto autorizando retorno de cursos de capacitação
Detran-PR publica decreto autorizando retorno de cursos de capacitação (Foto: Geraldo Bubniak/AEN)
publicidade

O diretor-geral do Departamento de Trânsito do Paraná, Wagner Mesquita, anunciou na segunda-feira o retorno das aulas presencias dos cursos de especialização e capacitação de condutores de transportes especiais de cargas e passageiros.

Segundo Mesquita, o retorno das aulas deve ser imediato, já que a procura por esses profissionais só tem aumentado devido ao cenário de calamidade pública vivenciada pelo mundo inteiro, devido à pandemia de Covid-19.

Há seis meses as aulas dos cursos de capacitação do Detran do Paraná estão paradas, em razão das restrições sociais a fim de evitar a contaminação e a proliferação do coronavírus. Com isso, a falta de profissionais capacitados no estado só fez aumentar.

Segundo o Coronel Sérgio Malucelli, presidente da Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná e do Sest Senat no estado, “São muitos profissionais aguardando pela volta dessas modalidades e com isso poderem tocar suas vidas profissionais. Nosso desafio agora é dar conta da demanda reprimida em meio ano sem as aulas. Em um primeiro momento as salas de aulas não poderão ter mais que 10 alunos”.

Com a volta as aulas serão obrigatórias o uso de máscara dentro dos ambientes e durante todas as atividades. Além disso, o Detran-PR seguirá as demais medidas estabelecidas nos protocolos de segurança sanitária emitidos pela Secretaria Estadual da Saúde e núcleos de saúde dos municípios.

Antes da pandemia, o Sest Senat forma 1.500 alunos por mês nessas modalidades de cursos. Com isso, devido à paralização das atividades presenciais, a empresa estima que nove mil alunos estejam com as atualizações obrigatórias pendentes.

Uma das alternativas analisadas pelo Sest Senat é fornecer cursos de ensino à distância (EAD), com o intuito de diminuir esse quantitativo. As aulas no formato EAD seriam disponibilizadas em uma plataforma.

Segundo Malucelli, “Desde o início da pandemia temos buscado uma solução junto ao Detran para que os profissionais pudessem seguir com suas atualizações obrigatórias. Uma das nossas propostas foi a realização do curso EAD para todas essas modalidades. Temos uma plataforma moderna e pronta para ser colocada em prática. Porém, dependemos de autorização do órgão governamental. O Detran informou que dará um posicionamento final para essa sugestão ainda neste mês de outubro”.

Glaucia AlvesGlaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 7 anos. Esse ano começou a trabalhar como redatora e como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR e realiza consultoria de redação on-line.