Os médicos do INSS não retornaram aos trabalhados nesta segunda-feira (14), como era previsto. Por isso, as perícias médicas agendadas tiveram que ser suspensas. O presidente do Instituto Nacional do Seguro Social, Leonardo Rolim, pediu desculpas e paciência aos segurados.

publicidade
Perícias médicas do INSS são SUSPENSAS após médicos não retornarem às agências
Perícias médicas do INSS são SUSPENSAS após médicos não retornarem às agências (Imagem: Montagem/FDR)
publicidade

Segundo o instituto as perícias voltarão após a inspeção nos consultórios serem finalizadas e comprovarem adequação. As perícias agendadas foram remarcadas, porém, segundo Leonardo Rolim, nem todos receberam a notificação.

“Nós avisamos as pessoas que as perícias agendadas para hoje teriam que ser reagendadas, nem todos infelizmente conseguiram a tempo a informação. Nós mandamos por SMS, pelo Meu INSS e por e-mail, mas peço desculpa às pessoas que foram às agências e não conseguiram receber a informação a tempo ou não temos algum acesso a algum meio de comunicação com essas pessoas”, disse Leonardo Rolim.

Quem tinha realizado um agendamento para avaliação pericial, deve desconsiderar e realizar uma remarcação pelo Meu INSS e telefone 135.

“Muito em breve nós informaremos quando estará disponível o agendamento da perícia. Ninguém vai ter nenhum prejuízo, quando for feita a nova perícia e o benefício for concedido, ele será retroativo à data de requerimento original” acrescentou o presidente do INSS.

As agências do INSS voltaram a atender de forma presencial nesta segunda-feira (14), porém os médicos decidiram não voltar, por esse motivo o instituto precisou suspender as ações de perícias médicas.

A categoria tomou essa decisão após apenas 12 das mais de 800 agências terem sido aprovadas nas vistorias realizadas pela entidade, informou a Associação Nacional dos Peritos Médicos Federais (ANMP).

Por esse motivo, os atendimentos presenciais de perícia médica só retomarão após que sejam realizadas inspeções que comprovem a adequação dos consultórios das agências para o atendimento ao público.

O INSS informou que as inspeções retomariam ainda nesta segunda e que irão até a quarta-feira (16). Além disso, será realizada em parceria com a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho. Tendo a aprovação da adequação dos consultórios, a perícia será retomada na unidade.

De acordo com a associação “Mesmo com todo o alarde da pandemia, ainda tínhamos agências sem EPI [Equipamentos de Proteção Individual] até o presente, dentre diversos outros problemas”.

“Abrir apenas estas agências e manter fechadas as demais é inviável do ponto de vista gerencial e operacional e causaria potencial caos nas cidades devido a riscos de sobrecarga de demanda”, acrescentou a ANMP.

Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 7 anos. Esse ano começou a trabalhar como redatora e como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR e realiza consultoria de redação on-line.