Filipinas é o primeiro país a suspender recebimento de carne de frango exportada do Brasil

Nesta sexta-feira (14), as Filipinas impuseram uma proibição temporária para às importações de carne de frango do Brasil. A decisão foi tomada depois que uma cidade da China disse que encontrou traços do novo coronavírus em um carregamento de asas de frango que são produzidas no país. 

Filipinas é o primeiro país a suspender recebimento de carne de frango exportada do Brasil
Filipinas é o primeiro país a suspender recebimento de carne de frango exportada do Brasil (Foto: Jonas Oliveira)

O Brasil é o maior exportador global de carne de frango, respondendo por cerca de 20% das importações do produto para as Filipinas. 

Nos primeiros 6 meses do ano, de janeiro a julho, o país vendeu cerca de  US$ 31,4 milhões aos filipinos, cerca de 50,3 mil toneladas, isso representa pelo menos 2% das exportações brasileiras neste período.

De acordo com o comunicado enviado para à agência Reuters, o Departamento de Agricultura disse que “Com os relatórios recentes da China e em conformidade com a Lei de Segurança Alimentar do país para regulamentar os operadores de empresas de alimentos e proteger os consumidores filipinos, é imposta a proibição temporária da importação de carne de frango”.

Apesar disso, o Ministério da Agricultura afirmou que ainda não foi notificado pelas autoridades das Filipinas. 

O Brasil é o segundo país com mais surtos de coronavírus, depois dos Estados Unidos, e vem registrando mais de 3,2 milhões de casos e mais de 105.000 mortes desde que se iniciou a pandemia. 

O governo da Filipinas ainda não informou por quanto tempo essa proibição vai continuar sendo aplicada.

O Departamento de Agricultura das Filipinas assegurou para os seus cidadãos que os produtos de frango que estão no mercado local são seguros para o consumo. 

Na quinta-feira (13), a Organização Mundial da Saúde disse que não vê evidência de que o coronavírus tenha se espalhado por alimentos ou embalagens e pediu para que as pessoas não tenham medo de que o vírus entre na cadeia alimentar.

Por meio de nota, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), que representa os frigoríficos, disse que não foi avisada formalmente sobre essa suspensão das exportações brasileiras de aves para as Filipinas.

“Se confirmada, a ABPA apoiará o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para a apresentação dos esclarecimentos, já que se trataria de uma decisão sem fundamentação técnico-científica e pendente de esclarecimentos e demonstrações”, acrescentou.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.