Inep registra 50 mil pedidos de atendimento especializado no Enem 2020

O Inep informou que para o Enem 2020 recebeu 50 mil solicitações de atendimentos especializados. Os dados englobam gestantes, lactantes, idosos e estudantes internados, ou com problemas de saúde e outras condições específicas. O pedido foi para a prova impressa que será aplicada nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021, devido à pandemia do Covid-19.

publicidade
Inep registra 50 mil pedidos de atendimento especializado no Enem 2020
Inep registra 50 mil pedidos de atendimento especializado no Enem 2020 (Imagem: Reprodução/Google)
publicidade

O Enem será aplicado em janeiro do próximo ano, após ter sua data normal, novembro, adiada por causa do isolamento social aderido pelo Brasil devido à pandemia do Coronavírus.

O Inep informou que foram ao todo 55 mil pedidos, sendo que até agora 47.847 participantes tiveram a solicitação aprovada.

Uma novidade para quem tem cegueira, surdocegueira, baixa visão e visão monocular é que esse ano esses candidatos terão um programa para computador desenvolvido para a aplicação do Enem, o que possibilita a leitura de textos no aparelho.

Outra solicitação realizada e que bateu o recorde das últimas edições é o pedido de 508 pessoas para serem atendidas pelo nome social.

Essa possibilidade foi aderida à pouco tempo pelos órgãos brasileiros e a intenção é combater o preconceito e o constrangimento sofrido por travestis ou pessoas transexuais, que optam por usar nomes diferentes do qual foi registrado.

Além disso, esse grupo, tendo ou não a solicitação do nome social aceita, poderá escolher o banheiro que deseja utilizar no dia da aplicação da prova. O intuito do Inep é que a prova e sua aplicação aconteça da forma mais confortável e adequada para todos os candidatos inscritos.

Novidades para o Enem 2020

O Enem de 2020 conta com a participação de 5.783.357 candidatos, 13,5% superior ao ano passado, sendo que em 2019 foi registrado o menor  número de inscritos em toda a história do Exame Nacional do Ensino Médio.

O Inep divulgou novo edital que inclui o uso obrigatório de máscaras desde a entrada no local indicado para a prova até o momento da saída. Essa nova regra, nunca vista e aplicada antes em todos os anos do exame é devido a atual situação em que o mundo está passando por causa do contagio do Covid-19.

Glaucia AlvesGlaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 7 anos. Esse ano começou a trabalhar como redatora e como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR e realiza consultoria de redação on-line.