Preço do gás fica mais BARATO neste único estado; confira quem se beneficia

Os consumidores fluminenses podem comemorar uma boa notícia em meio aos recentes aumentos no preço do gás de cozinha e dos combustíveis. A partir de fevereiro as tarifas do gás natural no Rio de Janeiro terão uma redução significativa de até 4,86%, aliviando o bolso dos moradores e empresas que utilizam esse recurso.

Preço do gás fica mais BARATO neste único estado; confira quem se beneficia (Imagem: Pxhere)

Essa diminuição nas tarifas é resultado da redução no custo de aquisição do gás natural fornecido pela Petrobras. Enquanto os preços do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), popularmente conhecido como botijão de gás, da gasolina e do diesel estão em alta devido ao aumento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), o gás natural segue uma trajetória inversa.

Para os clientes na Região Metropolitana do Rio, a tarifa do gás canalizado terá uma queda média de:

  • 1,43% para o segmento residencial (7m³/mês);
  • 1,49% para o comercial (400 m³/mês);
  • 4,86% para postos de GNV (gás natural veicular);
  • 1,08% para as indústrias (3Mm³/mês);
  • Já para os clientes do interior do Estado, as reduções variam de 1,70% a 3,60%, dependendo do segmento.

Preço do Gás cai até 4,86% no estado

Essa boa notícia ocorre em meio a um contexto desafiador para os consumidores, com o aumento do ICMS impactando os preços de diversos produtos, incluindo combustíveis. Vale destacar que as tarifas de gás natural são reajustadas trimestralmente, com base na variação do Brent (petróleo cru) e do dólar.

Ainda no cenário estadual, recentemente, a Petrobras e a Naturgy resolveram suas disputas judiciais, chegando a um acordo para a renovação do contrato de fornecimento de gás para 61 municípios do Rio de Janeiro. Esse entendimento encerrou uma pendência de dois anos e trouxe ajustes nas tarifas de acordo com o tipo de cliente e sua localização.

Enquanto os preços dos combustíveis sobem em diversos estados, o Rio de Janeiro destaca-se por uma redução nas tarifas do gás natural, trazendo alívio financeiro para os consumidores locais. Este cenário ressalta a importância de monitorar as oscilações nos preços e impostos para entender como eles impactam diretamente o bolso do cidadão fluminense.

Ariel França
Sou produtor multimídia com mais de 10 anos de experiência. Formado em Jornalismo e pós-graduado em Direito Administrativo e Gestão Pública. Concentro-me em simplificar temas complexos, como finanças, gestão pública e administração, para torná-los acessíveis a todos os públicos. Acredito na importância de uma comunicação responsável e de alta qualidade em todas as mídias, mantendo-me atualizado constantemente para atender às demandas do mercado de forma competente.